COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

Os criminosos foram encontrados, nesta segunda-feira, em um bairro da cidade

Dois homens suspeitos de assassinar a funcionária de um supermercado Gabriela da Cunha Oliveira, 16 anos, durante um assalto em Itaúna, na Região Centro-Oeste de Minas Gerais, foram presos na tarde desta segunda-feira. O crime aconteceu na noite da última sexta-feira e foi flagrado pelas câmeras de segurança do estabelecimento. Com o anúncio da prisão, milhares de pessoas da cidade foram para a porta da delegacia para tentar linchar os criminosos.

De acordo com a Polícia Civil, Michael Jordan Alves Moura, de 18 anos, e Danilo Menezes de Almeida, de 30, foram encontrados em casa de vizinhos em um bairro da cidade. Com os dois foi encontrada a moto e os capacetes utilizados no momento do crime. O delegado Weslley Amaral, responsável pelas investigações, ainda ouve o depoimento dos criminosos. Eles serão encaminhados, posteriormente, para a cadeia pública de Pará de Minas.

Continua depois da publicidade.

20140324165529720335a

Gabriela foi morta enquanto trabalhava à noite em um supermercado há cerca de três meses, no Bairro Padre Eustáquio. As imagens do circuito de segurança mostram os homens chegando de capacete e recolhendo o dinheiro. A operadora de caixa entrega as cédulas, sem reagir.

Um deles, de camisa clara, dispara antes de sair do comércio. De acordo com a Polícia Militar (PM), o tiro foi acidental e atingiu o abdômen da funcionária. O mesmo disparo pode ter atingido também o comparsa do atirador, vestido com roupa preta. O delegado Weslley Amaral considera que houve uma negligência do bandido ao manusear o revólver

 

Fonte: UAI

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp