fbpx

‘Novembro Azul’ chama atenção para a saúde do homem

Só em 2020 o câncer de próstata acometeu mais de 65 mil homens no Brasil e, em 2019, matou 16 mil.

O Novembro Azul é o mês de conscientização sobre os cuidados da saúde do homem, em especial, em especial sobre o exame de próstata e sua importância. Só em 2020 a doença acometeu mais de 65 mil homens no Brasil e, em 2019, matou 16 mil.

Segundo o urologista, Marcos Pio, O câncer de próstata geralmente surge como uma doença silenciosa e indolor. Além disso, muitas vezes os sintomas podem ser confundidos ou atribuídos a outras doenças. Os sinais são frequentemente detectados pela primeira vez durante exames de rotina.

“Os sintomas mais comuns incluem necessidade frequente de urinar, dificuldade em iniciar ou interromper a micção, fluxo fraco ou interrompido de urina, dor ou ardor, dificuldade para ter uma ereção, ejaculação dolorosa, sangue na urina ou no sêmen, dor frequente e rigidez na parte inferior das costas, quadris ou coxas. Se tiver qualquer um destes sintomas, procure seu médico para diagnóstico e tratamento, se for necessário. O aumento da próstata e o câncer de próstata são coisas diferentes. Os sinais e sintomas do aumento do tamanho da glândula incluem dificuldade de esvaziar completamente a bexiga, necessidade frequente de urinar durante a noite e incontinência urinária. O aumento da próstata acontece com a maioria dos homens à medida que envelhecem e esta condição não aumenta o risco de câncer de próstata”.

O urologista ainda falou sobre os exames e o tratamento. “Os exames de PSA medem os níveis do antígeno prostático específico na próstata, não o câncer. O PSA é produzido pela próstata em resposta a uma série de alterações que podem estar presentes, incluindo uma infecção ou inflamação (prostatite), o aumento de tamanho da próstata (hiperplasia benigna da próstata) ou, possivelmente, o câncer. O PSA é o primeiro passo no processo de diagnóstico para o câncer. Ele é útil para a detecção da doença em estágios iniciais, quando é possível ser tratada. Especialistas acreditam que o exame de PSA salva a vida de aproximadamente 1 em cada 39 homens que realizam o exame.  Mas ele não dispensa o exame de toque retal. O exame de PSA é mais eficaz quando é feito concomitante ao toque retal e quando se leva em consideração também a avaliação dos fatores de risco do paciente. O melhor tratamento para cada caso depende do estadiamento da doença (estágio em que ela se encontra), da idade e do estado geral de saúde do paciente. De maneira geral, cirurgia, radioterapia e terapia hormonal costumam ser as opções mais comuns”, explicou.

Praticar atividade física regularmente, manter um peso saudável, diminuir ou evitar o álcool e não fumar são recomendações importantes para minimizar o risco da doença, disse o médico. “Uma alimentação pobre em gorduras de origem animal e rica em frutas, verduras, grãos e cereais integrais pode diminuir o risco de câncer, bem como o de outras doenças crônicas”.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄