COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

Na manhã da última sexta-feira (18), a segurança pública de Santo Antônio do Monte ganhou um reforço no combate à criminalidade: o repasse de duas motocicletas à Polícia Militar do município pelo Conselho de Segurança Pública (Consep), com presenças de autoridades locais e do corpo integrante da PM. Os veículos foram repassados Conselho de Segurança Pública (CONSEP) e também por meio de doações feitas por empresários e comerciantes do município, as motocicletas já estão sendo utilizadas para o trabalho dos policiais na cidade.

Na solenidade, o Tenente Harley, da PM de Samonte, enalteceu as parcerias envolvidas no processo e, principalmente, a importância da conquista para o município. “Em 2014, obtivemos um ganho enorme para a cidade com a desativação da cadeia pública. Com isso, ganhamos um maior contingente de policiais e viaturas nas ruas do município”. O tente salientou ainda a eficácia dos veículos, considerando o tamanho da cidade. “A extensão territorial de Samonte é grande, especialmente a área rural. A eficiência das motocicletas no combate ao crime é muito grande, levando em consideração o custo e a praticidade. Toda a população sai em vantagem com isso”.

Continua depois da publicidade.

O CONSEP foi um dos grandes responsáveis para a chegada dos veículos. O órgão avalia positivamente o trabalho empenhado pela Polícia Militar nos últimos anos em Samonte. “O bom trabalho na segurança pública na cidade é o que nos motiva a trabalhar cada vez mais em parceria com a Polícia Militar do município”, garante Flávio Ribeiro Alvarenga, presidente do CONSEP.

Bons números

A partir de agora, a Polícia Militar de Samonte conta com cinco veículos: três automóveis e duas motocicletas. A chegada dos dois veículos a Santo Antônio do Monte ajudará a manter os bons números registrados pela Polícia Militar nos últimos anos em Santo Antônio do Monte. É o que espera o Prefeito Dinho do Braz. “Sempre tive muita proximidade com a polícia. Há cinco aos, passávamos por uma grande crise de violência em Santo Antônio do Monte. Em 2015, no entanto, foi a primeira vez em 30 anos que não registramos um homicídio sequer. Sempre trataremos a PM como uma das prioridades do município. Estamos dando respostas à toda comunidade montense”, detalha.

Com estes números, Samonte se destaca dentre os municípios de porte similar. É o que revela a Dra. Lorena Teixeira Vaz, Juíza de Direito da Comarca. ”Havia necessidade de um maior suporte à Polícia Militar. Hoje, Samonte se encontra na melhor possível neste quesito, se compararmos com outras cidades que possuem o mesmo tamanho”, frisou.

*Por Sistema MPA

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp