COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

Uma mulher ligou para a Polícia Militar alegando que seu companheiro estaria completamente alterado tendo agredido a mesma e ameaçado matar o filho, uma criança recém-nascida. A confusão aconteceu no Bairro Garças de Minas, na cidade de Iguatama. A PM se deslocou e chegando à residência da vítima o autor já não estava mais presente.

A mulher contou aos policiais que seu amásio faz uso de bebidas alcoólicas e de drogas. Naquela noite ele teria chegado em casa e ordenado que sua mulher lhe desse dinheiro para comprar mais drogas. Como ela não atendeu seu pedido ele pegou um arco de serra (conhecido por seguêta), e agarrando seu filho, recém-nascido, pelo pescoço, ameaçou mata-lo, caso a mulher não entregasse o dinheiro. Em um ato de desespero ela conseguiu arrancar a criança das mãos do autor e após colocar seu filho em cima da cama os dois entraram em luta corporal. Ela foi agredida com vários socos e chutes. O agressor ainda tentou bater na mulher com um cabo de enxada, mas ela conseguiu desviar-se dos golpes, pegar a criança e fugir para a rua gritando por socorro. Antes da chegada da polícia o autor desapareceu tomando rumo ignorado.

Continua depois da publicidade.

A vítima e a criança foram levadas ao hospital onde foram atendidas e liberadas. Segundo a PM, a vítima foi orientada a não retornar para casa, pois o agressor ainda permanecia foragido e poderia voltar para continuar com as agressões.

 

Adriano Santos – TV Cidade, Lagoa da Prata.

 

Conteúdo exclusivo do portal TV Cidade Lagoa da Prata. A reprodução total ou parcial está expressamente proibida sem a autorização por escrito da produtora, conforme determina a Lei de Direitos Autorais (Lei 9.610), estando o infrator sujeitos às penalidades impostas pela legislação. É permitida somente a divulgação do teor integral por meio de compartilhamento nas redes sociais.

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp