fbpx

Lagoa da Prata – Centro Oeste será beneficiado pelo PAC Saneamento

Municípios do Centro-Oeste serão beneficiados com a terceira fase do PAC 2 lançado, nesta terça-feira (06), em Brasília. De acordo com o Ministério da Saúde, 635 municípios com menos de 50 mil habitantes serão beneficiados, atingindo uma população próxima de 5,3 milhões de pessoas. Serão liberados R$ 2,8 bilhões da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) para as obras de abastecimento de água e esgotamento sanitário.

 

Na região 11 municípios serão atendidos. São eles: Córrego Fundo (Esgotamento Sanitário),Guaraciaba (Esgotamento Sanitário), Lagoa da Prata (Abastecimento de Água), Luz (Esgotamento Sanitário), Morro da Garça (Esgotamento Sanitário), Oliveira (Esgotamento Sanitário), Pains (Esgotamento Sanitário), Pimenta(Esgotamento Sanitário), Piumhi (Abastecimento de Água), São Francisco de Paula(Esgotamento Sanitário) e São Sebastião do Oeste (Esgotamento Sanitário).

 

As cidades foram beneficiadas com intermédio do deputado federal, Jaime Martins (PSD). Os prefeitos foram até a capital brasileira assinaram o termo de compromisso. O deputado lembrou que são projetos antigos e que desde o ano passado os municípios aguardavam a liberação do recurso. A primeira parcela deverá ser depositada entre os dias 19 e 24 de maio.

 

“Estes recursos irão beneficiar diversos municípios da nossa base de atuação parlamentar. Recursos fundamentais para a melhoria da qualidade de vida da nossa população”, afirmou o parlamentar.

 

O segundo passo para início das obras é um curso que será ministrado para os gestores na Funasa, em Belo Horizonte, no caso dos municípios mineiro.

 

“Eles passarão por essa oficina na superintendência da Funasa para verem como funciona cada etapa. Também será detalhada toda sistemática do programa”, explicou Jaime Martins.

 

Investimento

 

No Twitter a presidente Dilma Rousseff disse que “o Brasil superou um passado em que governantes não tinham interesse em investir em saneamento. Achavam que era obra que não rendia voto.

 

“Transformamos o investimento em saneamento em uma política de alcance nacional, que beneficia pessoas de todos os cantos do país”, postou.

 

A partir do início desta etapa do PAC 2, somarão 4.629 ações mantidas pela Funasa. Atualmente, segundo o Ministério da Saúde, 92% das obras estão concluídas ou em execução.

 

Fonte: Portal Centro Oeste

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄