Comércio local de Luz pode ser fechado novamente

Comércio local de Luz pode ser fechado novamente

O comércio local foi liberado no dia 20 de abril de acordo com o Decreto 2859/2020 publicado pela prefeitura, que autorizava a abertura das lojas.

Imagem aérea da cidade de Luz. (Foto: Recria Filmes)

A prefeitura de Luz realizou na terça-feira (12), uma reunião com no Centro Administrativo Municipal, onde foi apresentado aos representantes do comércio da cidade o ofício do Ministério Público que questiona a liberação do comércio no município.

A cidade não possui nenhum caso confirmado até o momento, mas a promotoria questiona a flexibilização do comércio, pois não houve critérios técnicos e caso a situação da cidade mude, o Hospital Senhora Aparecida não teria leitos de Unidade de Terapia Intensiva para atender a população.

O Jornal Cidade entrou em contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Luz para saber o posicionamento do órgão.

A prefeitura recebeu um ofício do Ministério Público com alguns questionamentos sobre a flexibilização do comércio. A procuradoria jurídica do município irá providenciar a resposta.O Ministério Público deverá se posicionar após a resposta do Município.

Ainda de acordo com a assessoria do município, o prazo para responder ao ofício do Ministério Público termina na segunda-feira.

Abertura do comércio na cidade

O comércio local foi liberado no dia 20 de abril de acordo com o Decreto 2859/2020 publicado pela Prefeitura que autorizava a abertura das lojas como boutiques, vestuários, calçados, acessórios, perfumarias, papelarias. Restaurantes e Lanchonetes poderiam atender uma pessoa por vez a cada 10 metros quadrados da loja e respeitando as regras exigidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Além de disponibilizar álcool gel e máscaras para os funcionários o comerciante deveria atendes pessoas do grupo de risco em horário especial.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄