Biosev deve gerar mais de 1.200 postos de trabalho

Biosev deve gerar mais de 1.200 postos de trabalho

Entrada da Biosev - unidade Lagoa da Prata. (Foto: Arquivo Jornal Cidade).

A Biosev – unidade de Lagoa da Prata abriu no mês de março a safra 2019/2020. Segundo o superintendente Leonardo Lovato, a expectativa sobre essa safra é muito boa, principalmente, no que tange o quadro de colaboradores contratados pela unidade. A empresa já contratou, até o momento, 1.200 pessoas, mas até o final deste mês esse número deve aumentar. “A companhia vê essa unidade muito bem, com uma expectativa de expansão a médio prazo. Já fizemos algumas contratações, treinamentos e integrações. Nosso objetivo é aumentar o volume de cana na unidade e isso, consequentemente, aumenta o número de contratações”, disse.

Netwise

Neste ano, a empresa terá como foco a produção de álcool, mas que também terá um mix de produto. “Temos excelente expectativa, algo em torno de 2,5 milhões de toneladas , mas são vários os fatores que podem alterar esse número, como, p clima que, nos últimos meses nos tem ajudado muito”.

Maturador

A câmara de Lagoa da Prata aprovou no dia 26 de março de 2018 a aplicação aérea de maturadores em lavouras de Lagoa da Prata. No início do ano, a câmara chegou a colocar em pauta uma nova discussão sobre impedir novamente as aplicações, mas até o momento nada foi decidido. Segundo o superintende, as aplicações deverão começar em breve.  “Venho de uma região sucroalcooleira, é uma prática bastante comum, a partir do momento que a gente começar as aplicações, isso reflete muito na produção do açúcar. É importante deixar bem claro que a gente não faz a aplicação de agrotóxicos, apenas do Moddus, que é um regulador de crescimento e adubo foliar”, informou.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄