COMPARTILHAR
Miguel, 4, se apega ao exemplo do pai Guilherme, e se diverte com os equipamentos de proteção individual.
Continua depois da publicidade.

Ao implantar programa que prioriza a segurança dos colaboradores e a preservação do meio ambiente, Biosev é premiada por um dos maiores selos de sustentabilidade do Brasil

A Biosev adotou como valor em todas as suas 11 unidades agroindustriais a preservação da saúde e da segurança de seus colaboradores. A companhia implantou o Prisma (Programa Integrado de Saúde, Segurança e Meio Ambiente), com diretrizes e requisitos que orientam o comportamento e as iniciativas de seus funcionários, prestadores de serviço e fornecedores, em busca de resultados cada vez melhores.

Continua depois da publicidade.

Duas iniciativas do Prisma foram premiadas durante o Beachmarking Brasil de Sustentabilidade, um dos mais respeitados Selos de Sustentabilidade do país, que reconhece e certifica as melhores práticas socioambientais das instituições brasileiras. Os cases “Prevenção de Incêndios” e “Programa de Segurança Veicular”, da Biosev, foram selecionados para integrar a edição do ranking em 2016. A comissão técnica foi formada por cerca de 200 especialistas de mais de 20 diferentes países.

Dentre os resultados obtidos pela companhia com os programas premiados, estão a redução total de acidentes graves de funcionários com veículos da empresa e a diminuição das áreas atingidas por incêndios criminosos.

Funcionários da Biosev participam de treinamento no Senar.
Funcionários da Biosev participam de treinamento no Senar.

O PRISMA

A política de segurança do trabalho da Biosev se apoia em padrões de gestão 02_Luis Eduardo Queiroz Gomes, gerente de SSMA da Biosevinternacionalmente reconhecidos, com o objetivo de não causar prejuízo às pessoas, ao patrimônio da empresa e ao meio ambiente. A meta é atender ou superar normas e regulamentações, reduzir o impacto ambiental por meio de medidas preventivas e promover a sustentabilidade dos recursos naturais utilizados.

Para responder aos desafios atuais e posicionar-se como líder no setor sucroenergético no Brasil e no mundo, a Biosev investiu no desenvolvimento do Prisma, programa criado há dois anos. O objetivo é manter um padrão de excelência em todas as ações relacionadas à saúde, à segurança e ao meio ambiente, tendo com princípio a valorização da vida, do ser humano e da natureza.

Na entrevista a seguir, o gerente de SSMA (Saúde, Segurança e Meio Ambiente) da unidade de Lagoa da Prata, Luis Eduardo Queiroz Gomes, ressalta que os conceitos relacionados a SSMA são levados em conta desde a contratação de novos colaboradores. “No processo de seleção já estamos avaliando como é a visão dessas pessoas. Precisamos de colaboradores que tenham na veia a mentalidade de segurança, saúde e meio ambiente”, afirma.

Jornal Cidade: O cargo de gerente de SSMA foi criado recentemente pela Biosev. O que a empresa quer mostrar quando adota os valores de saúde, segurança e meio ambiente?
Luis Gomes: A empresa está passando por um processo de mudança e está focando na segurança, saúde e meio ambiente em todos os seus processos. A Biosev quer que os colaboradores trabalhem e voltem para as suas famílias em segurança. E que no trabalho aconteça o mínimo impacto possível ao meio ambiente e ao patrimônio da empresa.

Quais resultados foram obtidos a partir da implantação do Prisma?
Podemos citar a redução de acidentes, a influência desses conceitos na vida pessoal dos colaboradores e a mudança comportamental. Antes de realizar qualquer tarefa, nossos colaboradores têm condições de avaliar o risco da tarefa, se ele tem todos os controles necessários e se as ferramentas são adequadas.

O colaborador possui autonomia para gerenciar situações de risco de SSMA?
Oferecemos a eles uma ferramenta que chamamos de Pirâmide. O colaborador pode recusar a realização de uma tarefa ou interromper uma atividade, se ele considerar que há um risco eminente para sua segurança ou de outras pessoas. Vejo a Biosev pensando na valorização da vida. A empresa não está apenas pensando em produzir açúcar, etanol e energia. É o conceito da sustentabilidade, segurança das pessoas e preservação do meio ambiente.

A segurança é uma obrigação e um direito de todos?
Isso mesmo. A responsabilidade não é somente da área de SSMA. A responsabilidade é de cada um na empresa. Isso hoje é uma mudança de cultura muito forte. Esse é um valor inegociável da empresa.

PROGRAMA DE SEGURANÇA VEICULAR

Uma das iniciativas premiadas da Biosev é o Programa de Segurança Veicular. Todos os veículos da empresa são monitorados por satélite. O colaborador deve obedecer uma série de requisitos de direção defensiva ao conduzir um carro da Biosev. Esses cuidados permitiram a Biosev reduzir a zero os registros de acidentes graves com veículos e colaboradores em serviço.

Para fortalecer a cultura de direção defensiva, a companhia firmou uma parceria

com a Autoescola Central, que permite ao colaborador obter ou fazer adição de categorias da carteira nacional de habilitação com preços abaixo do mercado e financiados pela própria Biosev. Professores da autoescola também realizam palestras periodicamente aos colaboradores da companhia sobre direção defensiva.

O diretor da Autoescola Central, Gabriel Miranda, afirma que a parceria teve início em janeiro de 2014. “A Biosev fez um levantamento de mercado e precisava de

Gabriel Miranda, diretor da Autoescola Central, ministra cursos sobre direção defensiva
Gabriel Miranda, diretor da Autoescola Central, ministra cursos sobre direção defensiva

uma empresa que tivesse capacidade de atender os seus colaboradores, com toda a estrutura necessária, boa reputação e bom índice de aprovação. Enviamos um relatório mensal para a empresa com a evolução de cada colaborador. Mais de 600 funcionários já tiraram a CNH. Vejo com muito bons olhos essa preocupação da empresa com a direção defensiva e responsável, ao mesmo tempo em que facilita as condições para que o seu funcionário se qualifique ao tirar ou adicionar a categoria da carteira de habilitação”, afirma Miranda.

O Sargento Washington Felipe, da Polícia Militar, diz que o comportamento dos funcionários responsáveis pela condução dos veículos da Biosev contribui para a segurança no trânsito. “Apresentam um alto índice de preocupação com a

Sargento Washington Felipe: “A Biosev é uma parceira indispensável”.
Sargento Washington Felipe: “A Biosev é uma parceira indispensável”.

segurança, principalmente após a implantação do sistema atual de gestão da segurança, proposto pela empresa. Todos os motoristas dirigem usando o cinto de segurança. Os limites de segurança e a sinalização são observados criteriosamente. A somatória desses e outros cuidados indispensáveis são preponderantes para a construção de um ambiente seguro nas ruas, estradas e rodovias”, desta o policial.

O militar comenta que, ao implantar a política de SSMA, a Biosev contribui com toda a comunidade. “Os reflexos são percebidos nas famílias dos colaboradores. A comunidade ganha com menos acidentes e agentes de trânsito mais conscientes e responsáveis. A Polícia Militar enxerga na Biosev uma parceira indispensável na luta diária de construção de um trânsito mais humano”, afirma Washington.

TREINAMENTO E CAPACITAÇÃO DOS COLABORADORES

Na safra 2015, a Biosev ofereceu 170 treinamentos internos e externos aos colaboradores, com conteúdos técnicos e comportamentais. Cada funcionário participa de 12 cursos durante o ano, com carga horária de 80 horas. Em 2016 já foram realizados 50 treinamentos de capacitação diversos, inclusive, de 10 empresas parceiras, que precisam se adequar às normas de segurança para prestarem serviço à companhia.

Os treinamentos de Segurança, Saúde e Meio Ambiente (SSMA) são realizados constantemente desde 2001, quando a Biosev adquiriu a usina em Lagoa da Prata. Os cursos de capacitação são realizados pelos principais órgãos do país, como por

Francisco Borges Lacerda, coordenador do Senar em Lagoa da Prata.
Francisco Borges Lacerda, coordenador do Senar em Lagoa da Prata.

exemplo o Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural). “Inicialmente, os treinamentos eram somente voltados para as áreas de mecanização, como tratorista, colhedores de cana e irrigação. E no final de 2015 trouxemos o NR31, que é um treinamento específico de segurança no trabalho. O curso teve duração de 24 horas, durante três dias seguidos”, explica o engenheiro agrônomo e coordenador do Senar na cidade, Francisco Borges de Lacerda.

COLABORADORES APROVAM

“A segurança do funcionário é a prioridade aqui na Biosev. Muitos procedimentos 05_Sérgio de Oliveira, supervisor de produção industrialque adotamos no nosso cotidiano são valores que foram desenvolvidos dentro da empresa e que se estendem para o ambiente familiar. Essa consciência em fazer as coisas com segurança ajuda até a diminuir os acidentes domésticos”. – Sérgio de Oliveira, supervisor de produção industrial

 

 

“Estamos empenhados na questão da segurança, saúde e meio ambiente. Levamos 06_Reginaldo de Andrade, líder industrialesses conceitos em todos os momentos, pois é a nossa vida que está em risco. Por isso temos que adotar todos os procedimentos de SSMA em nosso trabalho e na vida em família”. – Reginaldo Francisco de Andrade, líder industrial

 

 

 

“A prioridade da empresa é a segurança dos funcionários. Fazemos vários treinamentos desde quando somos admitidos na empresa. Com o que aprendemos, 07_Euler Rodrigues removeu um rack para evitar acidentes com o filho Luis Felipepassamos a ter uma visão mais crítica das situações de risco em nosso dia a dia. O nosso filho, Luís Felipe, gostava de subir em um rack sob a televisão para brincar. Eu e minha esposa optamos por tirar o móvel, pois ele poderia cair e bater a cabeça no chão”. – O coordenador de produção Euler Rodrigues removeu um rack de lugar para evitar acidente com o filho Luis Miguel.

 

“Hoje o colaborador está em primeiro lugar. Funcionários da Biosev já têm a cultura de dirigir com o farol ligado, inclusive na cidade. Muitas pessoas estranham quando dirigimos usando o cinto de segurança. Isso virou hábito. Certa vez deixamos de ir 08_O colaborador Guilherme do Couto Melo também aplica os conceitos de SSMA no dia a dia com a famíliaà roça do meu pai porque não tínhamos o bebê-conforto, que é um item de segurança necessário para o transporte do meu filho Miguel. Além da preocupação com a segurança, a empresa nos orienta a também cuidar do meio ambiente. Hoje, na minha casa, reaproveitamos toda a água de lavagem da roupa. A água da lavadora é direcionada para um galão com capacidade de 200 litros de armazenamento, e a reutilizamos”.  O colaborador Guilherme Couto também aplica os conceitos de SSMA no dia-a-dia com a família.

Sistema caseiro de reaproveitamento de água foi desenvolvido pelo colaborador Guilherme Couto

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp