Voos da Azul devem impulsionar economia da região centro-oeste de MG

Voos da Azul devem impulsionar economia da região centro-oeste de MG

O início das operações da Azul Linhas Aéreas no Aeroporto Brigadeiro Cabral, em Divinópolis (Centro-Oeste do Estado), promete dar novo fôlego à economia da região. Além da possibilidade de novos voos e de outras companhias aéreas chegarem a cidade, a existência de rotas comerciais deverá alavancar o desenvolvimento dos Arranjos Produtivos Locais (APLs) existentes na área e permitir a atração de novos investimentos para as cidades do entorno.

A aposta e do prefeito de Divinópolis, Vladimir Azevedo, a partir dos 15 milhões de reais investidos na adequação do terminal para receber os voos provenientes do Aeroporto Internacional de Viracopos de Campinas (SP), somados a outros esforços do Executivo municipal e do governo mineiro. Entre eles, a duplicação da MG-050 e a implantação do gasoduto que deve ligar Queluzito, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), ao Triangulo e Alto Paranaíba.

“Nosso trabalho no sentido de ampliar o capital local e a infraestrutura necessária ao desenvolvimento contínuo não para. A intenção e alavancar cada vez mais o potencial da região, de maneira que novos investimentos se concretizem. Claro que os aportes ocorrerão dentro da vocação de cada cidade, mas Divinópolis, especificamente, com a economia forte que tem, sairá na frente neste processo e levará consigo as demais cidades da região”, avalia.

Ele lembra também que o município esta próximo de importantes pólos, como o de Nova Serrana, no setor de calçados, e o de Santo Antônio do Monte, no de fogos de artifício.

A Azul vai operar voos entre Divinópolis e o terminal de Viracopos. Serão cinco voos semanais entre as duas cidades. O prefeito acredita que o aeroporto local deverá registrar um aumento considerável na movimentação com as operações comerciais da Azul.

[pull_quote_right]A própria companhia tem interesse em manter dois voos diários, fazendo com que a aeronave pernoite na cidade. Tudo vai depender da ocupação. Estamos otimistas[/pull_quote_right]

Netwise

Atualmente, a média diária do aeroporto é de 30 a 40 pousos e decolagens. “A própria companhia tem interesse em manter dois voos diários, fazendo com que a aeronave pernoite na cidade. Tudo vai depender da ocupação. Estamos otimistas”, diz.

Para receber a rota da Azul Linhas Aéreas, o aeroporto passou por ampla reforma em suas instalações e uma série de intervenções para melhorar e modernizar sua estrutura. A própria prefeitura realizou adaptações no terminal, incluindo uma nova pista, com condições de receber aeronaves ATR-42.

Com isso, as projeções iniciais eram que as primeiras operações fossem realizadas no final do ano passado. Porém, o voo inaugural passou por sucessivos adiamentos em função da necessidade de novas adequações no aeroporto, e ocorreu somente em 6 de junho.

A paulista Socicam foi contratada no início deste ano para administrar o terminal e vai explorar as taxas de pousos e decolagens, além de outros serviços prestados no aeroporto. Entre eles está o estacionamento do terminal aeroportuário.

Também em Minas, a empresa e responsável pelo Aeroporto de Ipatinga (Vale do Aco) pelo Aeroporto Presidente Itamar Franco, em Goiana (Zona da Mata) e pelo Aeroporto Prefeito Octávio de Almeida Neves, em São João del-Rei (Campo das Vertentes).

O primeiro voo deverá sair de Campinas às 12h02 e chegar a Divinópolis às 13h25. A aeronave tem capacidade para 70 pessoas.

Por: Gestão Sindical 

 

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄