Taxista de 72 anos é morto a facadas após levar passageiro na zona rural

Taxista de 72 anos é morto a facadas após levar passageiro na zona rural

Fotos: Assessoria de Comunicação Organizacional da 13ª Cia PM de Formiga

Um rapaz de 20 anos é acusado de ter assassinato com oito golpes de faca um taxista de 72 anos. O crime aconteceu nessa segunda-feira (02), por volta das 16h. O suspeito já está preso.

De acordo com a Polícia Militar, uma denúncia anônima informou que havia um corpo caído próximo a Fazenda Grota, na zona rural de Formiga. Militares do Tático Móvel, juntamente com uma equipe de inteligência da polícia se descolocou até o local e a princípio encontrou um veículo taxi Chevrolet Agile, placa HNR-7835, caído dentro de um mata-burro. A pouco menos de 1.500 metros os policiais encontraram o corpo de Bendito de Farias, 72 anos de idade, caído ao solo, sem vida e todo ensanguentado. O perito criminal Pedro compareceu ao local e constatou que a vítima foi morta com pelo menos oito golpes de faca que atingiram o tórax de Faria.

Um dos militares que acompanhava o trabalho da perícia disse que há poucos minutos teria abordado um indivíduo conhecido como Fábio saindo de um matagal entre os bairros Vila Padre Remaclo e Lajinha. Na ocasião Fábio portava dentro de uma mochila um par de tênis e uma faca suja de sangue. Os policiais questionaram o rapaz sobre a faca e ele disse que havia matado uma galinha em um lugar conhecido como cachoeirinha. Este lugar é conhecido como ponto de encontro entre usuários de drogas e é normal que estes usuários façam comida no local. Na ocasião o rapaz foi liberado.

Após levantamentos do serviço de inteligência, o suspeito Fábio Marcelo Diniz, 20 anos, foi encontrado. Ele estava na Rua Antônio Eugênio Vilela, no bairro Rosário, o qual primeiramente negou a autoria, contudo minutos depois confessou ser ele o autor do homicídio, e após busca dentro da casa de Fábio foi localizada a faca usada no crime e o celular da vítima.

Fabio contou que havia chegado ao Terminal Rodoviário e solicitado da vítima, o taxista Benedito, que o levasse até um lugar conhecido como Grota. Chegando ao local, Fábio anunciou o assalto, mas como a vítima reagiu Fábio, de posse de uma faca, desferiu vários golpes na região do tórax da vítima. Após perceber que o taxista estava morto, Fabio roubou o seu aparelho celular e uma quantia de R$17 reais em dinheiro que estava em uma bolsa no porta luvas do veiculo.

Ele contou ainda que retirou a vítima do veículo e apoderou-se do carro. Ele dirigiu por cerca de 1.500 metros, mas caiu em um mata-burro. Ele abandonou o carro e fugiu pelo matagal.

Netwise

Fábio foi preso e encaminhado a Delegacia da polícia Civil da cidade, juntamente com o material, onde a autoridade policial autuou Fábio em flagrante por latrocínio.

 

Adriano Santos – Portal TV Cidade, Lagoa da Prata.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄