fbpx

Samonte alcança pontuação histórica no ICMS cultural

O secretário de Cultura e Turismo do município destacou que, com a nota, foram garantidos mais recursos para a preservação do patrimônio cultural em 2023.

Divulgada na última quarta-feira (20), pelo Instituto do Patrimônio Cultural Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG), a cidade de Santo Antônio do Monte conquistou 16,27 pontos no ICMS Patrimônio Cultural. Com isso, o município tem uma das maiores notas da região Centro-Oeste do programa, que tem o objetivo de promover a preservação do patrimônio cultural material e imaterial. 

“Com o trabalho que realizamos ano passado em conjunto com o Conselho Municipal de Cultura e Patrimônio, com a consultoria da Rede Cidade e do historiador e professor Evaldo Rui de Oliveira, além do árduo trabalho diário da equipe da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, ao posicionarmos Santo Antônio do Monte com a maior nota do ICMS Cultural de sua história, garantimos mais recursos para 2023″, destacou o secretário de Cultura e Turismo, Ismael Henrique Costa. 

O programa

O ICMS Patrimônio Cultural é um programa de incentivo à preservação do patrimônio cultural do Estado, por meio de repasse do recursos para os municípios que preservam seu patrimônio e  suas referências culturais através de políticas públicas relevantes.  O programa estimula as ações de salvaguarda dos bens protegidos pelos municípios por meio do fortalecimento dos setores responsáveis pelo patrimônio das cidades e de seus respectivos conselhos em uma ação conjunta com as comunidades locais. 

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄