Reunião é realizada com objetivo de discutir sobre festas clandestinas em Lagoa da Prata

Reunião é realizada com objetivo de discutir sobre festas clandestinas em Lagoa da Prata

As festas, que são realizadas nas áreas rurais do município, contam com a presença de menores, onde acontece o uso desregrado de bebidas alcoólicas e drogas. Também foi abordado a respeito das aglomerações nos bares da cidade que estão desrespeitando as medidas de prevenção da Covid-19, entre outros assuntos.

Na manhã desta quarta-feira (25), foi realizada em Lagoa da Prata uma reunião com o objetivo de discutir sobre as festas clandestinas que estão sendo realizadas nas áreas rurais do município. As festas contam com a presença de menores, onde acontece o uso desregrado de bebidas alcoólicas e drogas.

Também foi abordado a respeito das aglomerações nos bares da cidade que estão desrespeitando as medidas de prevenção que visam evitar a contaminação do novo coronavírus.

A reunião foi promovida pelo Ministério Público (MP), através do Promotor Rodrigo Moura Nunes, e contou com a presença do assessor administrativo da prefeitura, Uilian Duarte Alves, a secretária de Saúde Sabrina Elen de Novais, o assessor de comunicação da prefeitura Adriano Santos, o Procurador Geral Hans Rocha Baia, o diretor da Vigilância Epidemiológica Geraldo de Almeida , comandante Emerson e GCM Gontijo da Guarda Civil Municipal, tenente Harley e tenente Luciano da Polícia Militar, Thais Rodarte e Claudio Henrique do Conselho Tutelar e tenente Cunha e o Cabo Marcus Vinícius do Corpo de Bombeiros.

Na ocasião, foram debatidas diversas propostas, dentre elas a realização de uma força tarefa com o intuito de conter tais atos delituosos através de um patrulhamento nos locais de maior incidência. Será feito também o contato com os proprietários dos sítios para conscientizá-los das infrações e possíveis punições.

Ficou também determinado que a prefeitura irá fazer demarcações nas vias públicas próximas aos locais de maiores aglomerações proibindo parar e estacionar no horário de 22 às 06. Além disso, nessa sexta (27), as autoridades se reunirão com órgãos de imprensa para traçarem junto um plano de combate.

Netwise

 

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄