fbpx

Prefeitura pretende investir R$ 170 mil na Expô Samonte

Aprovado em primeira votação, projeto será votado pelos vereadores na próxima segunda-feira (30).

Os vereadores de Santo Antônio do Monte aprovaram, no dia 18/06, por 9 votos a 1, o projeto de lei 029/2014, de autoria do Poder Executivo, que concede contribuição de R$ 170 mil ao Sindicato Rural para a realização da Expô Samonte.

Apenas o vereador Carlos Alberto Campos/PTB (Carlos Campinho) votou contra ao projeto. “Eu sou totalmente a favor da festa, pois é um evento tradicional da cidade, que traz divisas, que envolve a juventude. Mas, no momento atual de dificuldade financeira do município, em respeito ao recurso público, esse valor de 170 mil reais é exorbitante. A prefeitura de Samonte já vai oferecer infraestrutura. Se contribuísse com um valor entre 40 e 50 mil seria viável. A festa é tradicional e merece o apoio do município. A prefeitura tem que ser parceira sim. Mas dentro do que o município pode ajudar”, explica.

[pull_quote_left]Tudo que a gente solicita o município infelizmente não tem condições de fazer. Estamos passando um momento sério de segurança. Está sendo cobrada a Guarda Municipal. O município não tem condições. Tem o projeto do canil, pois os cães estão para todos os lados. Será que é coerente? Será que nós não temos condições de fazer uma parceria com as grandes empresas para que o município não continue sangrando o seu orçamento?[/pull_quote_left]

Campinho também argumentou que a cidade vive um clima de insegurança e o município não dispõe de recursos para fazer investimentos. “Tudo que a gente solicita o município infelizmente não tem condições de fazer. Estamos passando um momento sério de segurança. Está sendo cobrada a Guarda Municipal. O município não tem condições. Tem o projeto do canil, pois os cães estão para todos os lados. Será que é coerente? Será que nós não temos condições de fazer uma parceria com as grandes empresas para que o município não continue sangrando o seu orçamento?”, questiona o vereador.

 

Portões abertos

O presidente do Sindicato Rural, Vilmar Otávio de Oliveira, que também é secretário municipal de Obras, compareceu à sessão da Câmara e afirmou que a contribuição da prefeitura é essencial para a realização da festa agropecuária. “Uma festa do jeito que a gente está fazendo, não conseguimos fazer sem a ajuda da prefeitura. Nem o sindicato e nem empresa nenhuma. O sindicato fez uma parceria com a Lucs, que é uma empresa de Divinópolis que faz várias festas da região. Vamos trazer uma estrutura que nunca teve. Serão três camarotes, teremos uma estrutura de arquibancada para acomodar melhor o público do rodeio, parque de diversão e portões abertos no domingo, com o Show de Rio Negro e Solimões”.

Em entrevista ao Jornal Cidade, Vilmar ressaltou que, com o apoio da prefeitura, será possível oferecer o show gratuito no domingo.

O Jornal Cidade entrou em contato com a Administração Municipal que, por meio da assessoria de comunicação, informou que vai se pronunciar após a decisão dos vereadores.

A Expô Samonte será realizada entre os dias 21 e 24 de agosto. Irão se apresentar os cantores Fernando & Sorocaba; Eduardo Costa; Henrique & Diego; e Rio Negro & Solimões, com entrada gratuita.

Conforme apuração do Jornal Cidade junto a dois promotores de evento, o show da dupla Rio Negro & Solimões custa cerca de 90 mil reais.

Expôlagoa

Em Lagoa da Prata, a exposição agropecuária é organizada integralmente pelo Sindicato Rural, sem intermediários.  Em 2014, a festa contou com a participação de Ivete Sangalo, Cristiano Araújo, Henrique & Juliano e João Neto & Frederico. A Prefeitura de Lagoa da Prata enviou à Câmara um projeto de lei solicitando o repasse de 40 mil reais ao sindicato, que foi rejeitado pelos vereadores. A contrapartida do sindicato seria manter a entrada franca no domingo, quando se apresentaram artistas regionais. Mesmo com o projeto rejeitado, a organização da festa decidiu manter os portões abertos no último dia.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄