fbpx

Luciene Morais – Foco e Meta na Psicoterapia

Ao entrarmos em um táxi fornecemos ao taxista Informações sobre nosso destino, ou seja, onde desejamos chegar. Ele terá a opção de percorrer diferentes caminhos para nos ajudar, no entanto, estará sempre orientado para o ponto final da viagem: o destino definido por nós.

Um dos pontos que diferencia a terapia cognitiva comportamental é justamente este trabalho direcionado. As metas são mais ou menos como o destino traçado pelo taxista. Ao serem definidas, pode-se pensar em diferentes rotas para alcançá-las, identificando os obstáculos que cada caminho oferece e criando estratégias para lidar com eles.

Este método auxilia ainda para que a psicoterapia tenha um foco: se sabemos onde queremos chegar, é possível ao longo do tempo verificarmos se o caminho percorrido tem ou não nos aproximado de nosso destino.

 

DSC00233
Autora: Luciene Morais Batista – CRP 04-37799 Psicóloga Clínica – Especializando em Terapia Comportamental e Cognitiva pela PUC Minas Consultório: Rua Professor Jacinto Ribeiro nº 32, Centro, Lagoa da Prata – MG Fones (37) 8842-4204 e 3262- 2132 Credenciada para Atendimentos Online pelo site www.psicoharmonia.com.br

 

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄