Lotação em Santo Antônio do Monte - Autoridades se reúnem com empresa para buscar soluções

Lotação em Santo Antônio do Monte – Autoridades se reúnem com empresa para buscar soluções

Fonte: Assessoria de Comunicação Prefeitura de Santo Antônio do Monte

O vice-prefeito de Santo Antônio do Monte e secretário municipal de Administração Luís Antônio Resende, acompanhado do procurador do Município Júnio Sousa, do secretário de Obras Dinho Góis, do secretário de Transportes Américo Libério e da maioria dos vereadores da Câmara Municipal, recebeu no final do mês de janeiro, os representantes da Circullare, empresa que tem a concessão do transporte público dentro do município.

Netwise

As dificuldades enfrentadas pela empresa de Bom Despacho em manter o serviço foram a pauta principal do encontro. Entre os argumentos merecem destaque:

– Santo Antônio do Monte é uma cidade com uma grande frota de carros. Isso provocou, ao longo dos últimos anos, uma queda expressiva da demanda pelos serviços da lotação.

– Quase todos os usuários são idosos, que por possuírem carteirinhas, não geram lucro pra empresa.

– A empresa está sofrendo com a preferência do usuário pelo serviço de moto táxi.

Na ocasião, eles pediram que a Prefeitura subsidiasse parte do combustível gasto nas viagens, solicitação que tanto a Administração quanto o Legislativo consideraram enviáveis, não só pela contenção de despesas, mas pela ilegalidade da medida.

Por parte da atual gestão reivindicou-se:

– Que a lotação fizesse mais horários, inclusive, mais uma viagem depois das 7h nos bairros mais carentes e afastados, teoricamente o público alvo do serviço.

A Circullare também ficou de estudar a viabilidade deles participarem do processo de concessão para manutenção do rotativo que será implantado no centro da cidade.

É importante esclarecer que até o presente momento, a Circullare não formalizou a entrega da prestação dos serviços. A lei estabelece que se isso acontecer, a empresa continuará circulando por 30 dias, tempo para a Prefeitura realizar outra licitação.

A assessoria de comunicação da prefeitura ainda esclareceu que, diante os vários boatos que estão circulando nas redes sociais, duas empresas do município já procuram o departamento de compras, demonstrando interesse em participar do processo licitatório, o que nos deixa mais tranquilos quanto a continuidade dos serviços.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄