fbpx

Lagopratenses de coração e certidão comemoram os 77 anos do município

No dia 27 de dezembro Lagoa da Prata comemorará 77 anos de histórias. Em homenagem à cidade, lagopratenses falam
sobre sua visão do município.

Maria Alice SoaresMaria Alice Soares, 45 anos – salgadeira – “Vim de Capelinha/MG e estou em Lagoa da Prata há quase 20 anos. De lá pra cá as coisas mudaram muito. Embora ainda falte algumas coisas pontuais Lagoa melhorou e avançou. Espero que as próximas administrações continue trabalhando em prol da comunidade”.

 

 

Cibelly RibeiroCybelly Ribeiro, 31 anos, funcionária pública – “Gostaria de ter visto mais mudanças significativas em Lagoa, parece que a cidade está parada no tempo. Lagoa tem um potencial muito grande para o turismo e pouca coisa é feita para explorar mais e melhor o setor”.

 

 

Helio Gontijo

 

Helio de Jesus Gontijo, 37 anos, técnico em enfermagem –  “Obras a cidade tem demais, a educação, vejo pelas minhas meninas que também tá ficando bacana. Nasci aqui e gostaria de ver a cidade crescendo cada vez mais com muito emprego, uma boa saúde e tudo o que um cidadão merece”.

 

 

 

 

Wilian LacerdaWillian Nascimento Lacerda, 26 anos, corretor de imóveis –  “Vim de São Paulo, e embora as coisas sejam mais avançadas por lá, por ser um capital também eu amo Lagoa da Prata. Estou aqui há 5 anos, meu pai veio pra trabalhar na usina. Fico muito feliz por ver obras andando, a educação e a saúde em melhoria, mas ainda se tem um longo caminho”.

 

 

 

 

Luciane PereiraLuciane Pereira, 28 anos, vendedora –  “Sim, acredito que  a cidade tenha avançado e crescido bastante na infraestrutura, habitação e também nos roubos”.

 

 

 

 

 

Edna AparecidaEdna Aparecida Reis, 37 anos, dona de casa. “Vim de Brasília há mais ou menos 10 anos e embora sinta muita saudade da minha terra amo morar aqui. Minhas filhas têm uma qualidade de vida muito melhor. Fico tranquila por causa da escola, do bairro onde moramos, entre outras coisas. Cidade grande é muito bom, mas não proporciona o que o interior dá”.

 

 

 

 

 

Tamara RibeiroTamara Ribeiro, 23 anos, estudante – “Sou suspeita pra falar, pois amo o lugar que vivo. Apesar de necessitar de melhorias, porque tudo nessa vida precisa, por estarmos em constante evolução, acredito que Lagoa da Prata é uma excelente cidade e tem muito a oferecer”.

 

 

 

 

 

KerleyKerley Resende, 36 anos, empresário – “Sou meio suspeito para falar, pois adotei Lagoa como minha cidade do coração. Eu acho que evoluiu muito e tem muito mais a evoluir. Vejo também um excelente potencial no comércio e nas pessoas pois estão sempre abertas as mudanças”.

 

 

 

 

Tamares MeloTamares Melo, professora – “Vejo aqui uma cidade bem desenvolvida, uma economia que pulsa. Tem lugares lindos, como por exemplo a praia municipal. Sou encantada com aquele lugar e percebo que as pessoas que são daqui não dão muito valor. Poucas cidades têm esse privilégio. Uma coisa que me incomoda aqui e acho que não só a mim é o cheiro”.

 

 

 

 

Alex Vicent

 

Alex Vicente, 25 anos,  modelo –  “O desenvolvimento e segurança da cidade estão de parabéns. Já a área da saúde está um pouco fraca, a educação nada a questionar, a cada dia que passa está melhor”.

 

 

 

 

Suellen Morais

 

Suellen Morais, advogada – “Nossa, eu acho que Lagoa da Prata está em constante avanço. A população lagopratense tem espírito guerreiro e sede de melhorias. Em razão disso, idealizam, buscam efetivamente alcançar os seus anseios e concretizam”.

 

 

 

 

Franciele RodriguesFranciele Rodrigues, 21 anos estudante de zootecnia – “Acho que  Lagoa desenvolveu no quesito empresarial, vejamos que lojas, comércios e bares estão mais sofisticados, a cidade está crescendo, porém na parte pública, penso que ainda está deixando a desejar”.

 

 

 

 

 

 

Romário DomingosRomário Domingos, 23 anos auxiliar de produção – “Nasci e gosto muito de Lagoa. Acho que a cidade tem desenvolvido muito. Por exemplo, o esporte  na cidade havia caído bastante, mas com ajuda de parceiros, estamos tentando voltar com o vôlei que já teve um grande nome na região, contamos com outros apoios, aos poucos estamos voltando. Mas, no geral, ainda tem que melhorar muito”.

 

 

 

Marina CristinaMarina Cristina, 23 anos diarista – “Lagoa da Prata avançou muito na educação, saúde até mesmo no lazer. Tem tido suas dificuldades sim, não existe cidade perfeita, onde não haja problemas. Lagoa da Prata voltou a crescer. Depois de anos e a gente vê as obras concluídas, isso dá uma satisfação enorme! Eu tenho orgulho de morar em Lagoa da Prata”.

 

 

 

 

Roberta SilvaRoberta Silva, 24 anos Advogada – “Lagoa evoluiu muito nos últimos anos, mas ainda tem muita coisa para se melhorar, principalmente na área da saúde e educação. E, acho que Lagoa tem suporte para receber uma faculdade, para assim facilitar a vida dos nossos estudantes. Acredito que daqui a alguns anos, poderemos sim, falar que Lagoa da Prata evoluiu 100%”.

 

 

 

Samara Souza

Samara Souza, 21 anos empresária – “A cidade tem crescido e desenvolvido bastante. Espero que cresça ainda mais, apesar do momento difícil que a economia nacional enfrenta”.

 

 

 

 

 

 

Maurício JúniorMaurício Júnior, 19 anos estudante – “Estamos vendo que área da saúde está melhorando muito com a construção da upa e dos postos de saúde. Uma cidade reconhecida mundialmente no atletismo e não ter uma pista de atletismo, isso eu acho uma vergonha. Estamos perdendo esportistas para os drogas, precisamos de incentivo. Mas a cidade está dando passos longos para ser uma excelente cidade”.

 

 

 

Lilian SampaioLilian Sampaio, 28 anos, esteticista – “Amo Lagoa da Prata, nasci aqui e aqui quero morrer. Uma coisa que falta na cidade e que melhoraria muito nossa qualidade de vida é o aumento do número de policiais militares e civis e dos demais recursos necessários pra se oferecer segurança de qualidade”.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄