fbpx

Lagoa da Prata reduz tempo para abertura de empresas e passa a gerar mais empregos

O Secretário de Desenvolvimento Econômico, Rogério Corgosinho, explica os motivos que vem fazendo de Lagoa da Prata destaque na geração de empregos e abertura de novos empreendimentos.

A Prefeitura de Lagoa da Prata informou na manhã desta quarta-feira (5), que o município, após a redução do tempo médio para abertura de empresas, passou a gerar mais empregos em 2021. Segundo a Assessoria de Comunicação, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, o fato não acontece por acaso, mas em função do desejo de crescimento das empresas e a vocação empreendedora da população, além da desburocratização dos negócios realizada pela Prefeitura, que é outro fator que contribuiu bastante para este sucesso.
O Secretário de Desenvolvimento Econômico, Rogério Corgosinho, explica os motivos que vem fazendo de Lagoa da Prata destaque na geração de empregos e abertura de novos empreendimentos.
“Para avaliar se uma iniciativa está dando certo é preciso medir, isto é, olhar para os números. Veja a desburocratização, por exemplo, conseguimos reduzir o tempo médio de abertura de uma empresa de 58 para 41 horas, ou seja, o processo de viabilidade e registro de um negócio em Lagoa da Prata hoje demora menos que 2 dias, em média. Nossa meta é digitalizar todo o trâmite e diminuir para 24 horas até o fim de 2022, principalmente quando a empresa for de baixo risco”.
O Prefeito Di-Gianne destaca o trabalho da gestão e evidencia que os empregos no município irão subir ainda mais em 2022.
“Estamos fazendo um trabalho sério para incentivar os negócios na cidade. Como resultado batemos recorde de criação de empregos em 2021. Desde 2008 não tínhamos dados tão fortes. Vamos avançar muito esse ano”.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄