fbpx

Lagoa da Prata recebe a maior nota dos últimos anos no ICMS Cultural

Em 2008, o município registrou a pontuação de 3,40, dez anos depois, 6,30, e agora em 2022, 14,05, com potencial para chegar em 17 pontos.

O Instituto do Patrimônio Cultural Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG), divulgou nesta sexta-feira (29), a pontuação do ICMS Cultural de Lagoa da Prata. A cidade recebeu a maior nota dos últimos anos e ainda com potencial de aumentar o número registrado.

Em 2008, o município registrou a pontuação de 3,40, dez anos depois, 6,30, e agora em 2022, 14,05, com potencial para chegar em 17 pontos.

O programa tem o objetivo de promover a preservação do patrimônio cultural material e imaterial do Estado e, com isso, promove repasse do recurso para os municípios que preservam seu patrimônio e suas referências culturais através de políticas públicas relevantes. Além disso,  estimula as ações de salvaguarda dos bens protegidos pelos municípios por meio do fortalecimento dos setores responsáveis pelo patrimônio das cidades e de seus respectivos conselhos em uma ação conjunta com as comunidades locais.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄