Grupo de ciclistas realiza "6ª Bike Romaria Lagoa da Prata a Campos Altos”

Grupo de ciclistas realiza “6ª Bike Romaria Lagoa da Prata a Campos Altos”

A bike romaria é para celebrar o dia da padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, que é comemorada no dia 12 de outubro por fiéis católicos.

Em romaria para celebrar o dia da padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, que é comemorada no dia 12 de outubro por fiéis católicos, um grupo de ciclistas lagopratenses seguirá um percurso de 120 km de bicicleta até a cidade de Campos Altos neste domingo (11).

Esse ano, o grupo “Bike Romaria Lagoa da Prata a Campos Altos” conta com mais de 75 participantes de diversas cidades da região. Há seis anos o grupo promove a romaria ciclística em um ato de fé.

Foto: Divulgação.

Conforme um dos organizadores, Douglas Lima, cada um tem um objetivo na romaria. “Nessa bike romaria, o nosso combustível é nossa fé, é o que nos move! Muitos vão pela fé, outros para pagarem promessas ou agradecer; cada um tem seu objetivo e muitos nunca fizeram um trajeto tão longo, a fé os ajuda a chegar até lá. No ano passado eu fui para fazer um pedido, meu sonho era ser pai e esse ano Deus me abençoou, e meu filho nascerá em breve. Estarei indo lá próximo ao dia de seu nascimento, então vou para agradecer”, declarou Douglas.

Netwise

Para tal, o grupo da romaria de bikes sairá de Lagoa da Prata às 3h e seguirão até Esteios, onde farão uma parada para lanchar. Em seguida, vão para Córrego Danta pela estrada de terra, onde ocorrerá a segunda parada e de lá, vão até a serra de Luz, onde farão a última parada para descansarem.

“Da serra, vamos para Campos Altos, e lá esperamos todos chegarem perto da Santa para agradecermos. O caminho é cheio de obstáculos, é um percurso muito longo e é difícil para ciclistas amadores. Mas é muito bom saber que ajudamos as pessoas promovendo este evento, pois muitas vezes querem ir, mas para ir sozinho pode ser que não consiga, e na romaria somos todos amigos, pessoas de várias cidades vão com a gente”, disse Douglas.

Para a volta, os romeiros contam com dois ônibus para levá-los novamente à Lagoa da Prata, e um caminhão para as bikes.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄