fbpx

Estudo aponta que 40% dos alunos da rede municipal de Samonte voltaram às aulas com sobrepeso

Os dados são do setor de alimentação e nutrição da Secretaria Municipal de Educação, que avaliou mais de 1700 estudantes.

Um estudo feito pela Prefeitura de Samonte revelou que 40% dos alunos da rede municipal de ensino estão acima do peso. O setor de alimentação e nutrição da Secretaria Municipal de Educação (Semed) chegou a essa conclusão depois de pesar e medir todos os alunos das escolas e Cemeis da cidade, logo após as aulas voltarem para o modo presencial. Ao todo, foram avaliados 1714 estudantes, com idade de 4 a 10 anos. 

Os envolvidos no estudo acreditam que o ganho de peso está relacionado com os hábitos alimentares adquiridos durante o período longe das escolas. Diante deste dado preocupante, a Prefeitura criou um projeto de conscientização sobre a alimentação saudável nas escolas para reverter este cenário. 

Lancheira Saudável’

O primeiro passo foi convocar uma reunião com os pais e esclarecer os riscos que o sobrepeso representa para a saúde das crianças. As nutricionistas observaram que muitos alunos levavam para as aulas alimentos ricos em gorduras e açúcares. Por isso, foi orientado aos pais que seus filhos comessem a merenda oferecida pela escola, que é equilibrada e supre todas as necessidades nutricionais da criança, ou para que a lancheira fosse montada com alimentos mais saudáveis. 

“Quando observamos o lanche enviado de casa não vemos opções benéficas a saúde: São sempre salgadinhos, bolachas recheadas, refrigerantes, entres outros. Cuidado com o excesso de fritura, açúcar, industrializados com baixo valor nutricional e extremamente calóricos. Não podemos proibir, porém nós sugerimos que os responsáveis coloquem na lancheira alimentos mais nutritivos, também incentivamos a atividade física”, enfatizou Carolina Silva, nutricionista. 

Outra iniciativa importante foi tratar o tema na sala de aula. Assim, a importância de uma alimentação saudável e os riscos dos alimentos industrializados e com alto índice calórico foram enfatizados para que o hábito alimentar da criança seja beneficiado mesmo fora da escola. 

Prefeitura alerta para os riscos do sobrepeso

Em nota publicada nas redes sociais, a Prefeitura alertou que a obesidade é considerada uma doença e que o excesso de peso é prejudicial à saúde podendo ocasionar em uma alta taxa de colesterol e triglicerídeos, diabetes e outras doenças.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄