Estado não vai tornar Santa Casa de Formiga exclusiva para atendimentos da Covid-19

Estado não vai tornar Santa Casa de Formiga exclusiva para atendimentos da Covid-19

Superintendência Regional de Saúde reconsidera a decisão; Prefeito havia falado até em colocar tratores e caminhões na porta do hospital; médicos e autoridades do município chegaram a divulgar um manifesto público contrário à medida.

Na última semana, a Superintendência Regional de Saúde chegou a anunciar a possibilidade de transformar a Santa Casa de Formiga em hospital regional exclusivo para atendimentos de pacientes infectados pelo novo coronavírus. No entanto, essa medida deixou a população formiguense preocupada, principalmente porque novos pacientes e doentes já internados teriam que ser transferidos para hospitais de outas cidades.

Atenta à situação, a Prefeitura Municipal se posicionou contra essa possibilidade e o prefeito Eugênio Vilela ameaçou colocar tratores e caminhões na porta da Santa Casa, caso fosse necessário. Um manifesto público também foi apresentado no dia 23 de abril. O ato reforçava a insatisfação da atual gestão e de um grupo de médicos. A Santa Casa de Formiga é um Hospital referência da microrregião e faz atendimentos de pessoas com diversos problemas de saúde como traumas, infarto, Acidente Vascular Cerebral, dengue hemorrágica e outras doenças.

Diante de tudo isso, na tarde desta terça-feira (28), o superintendente Alan Rodrigo da Silva, em videoconferência com o Secretário Municipal de Saúde, Leandro Pimentel, informou que a decisão foi repensada e que a Santa Casa não será mais referência para atendimento de pacientes da Covid-19 residentes na região.

Netwise

Segundo o prefeito municipal, a Santa Casa vai continuar com todos os atendimentos da cidade e da região. “Agradeço a toda a população, às pessoas que se manifestaram pelas redes sociais e nos mandaram mensagens de apoio à essa nossa causa”, disse o prefeito.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄