Esquema de corrupção é investigado na penitenciária de Formiga

Esquema de corrupção é investigado na penitenciária de Formiga

O policial penal foi afastado de suas funções.

Foto: TV Integração/Reprodução

A Polícia penal realizou a Operação Norton, com o objetivo de investigar um possível esquema de corrupção dentro da penitenciária de Formiga.

Segundo o promotor de Justiça, Ângelo Ansanelli Júnior,  um policial penal da penitenciária de Formiga recebia propina de presos para, em troca, repassar a eles aparelhos celulares que lhes permitiam dar continuidade às suas atividades criminosas.

De acordo com Ansanelli, o valor da propina variava entre 12 a 80 mil reais, fato preocupante tendo em vista o alto poder aquisitivo necessário para bancar o esquema. O promotor ainda explicou que existe uma preocupação devido ao fato de que a penitenciária de Formiga recebeu a transferência de muitos presos condenados com penas bastante altas. “Presos perigosos e com alto poder aquisitivo poderiam também planejar alguma espécie de resgate ou fuga se facilitados por esquemas de corrupção como este”.

O policial penal foi afastado de suas funções. A reportagem do Jornal Cidade entrou em contato com a penitenciária que informou que no momento não irá se manifestar sobre o assunto.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄