fbpx

Coral da Escola Estadual Padre Paulo participa de Festival Internacional

Foto: Igor Silva

Vinte crianças da Escola Estadual participaram do Festival Internacional de Corais e Festival de Corais do Vale do Paraopeba, realizado nas cidades de Caeté e Betim. Os alunos, que participam do Projeto Educação Integral Integrada, têm com  professor o maestro Igor Silva, que também rege a Orquestra Acordes Monte. Segundo a diretora Maria Francisca Marques, a escola atendeu ao desafio de criar uma turma de tempo integral com crianças de sete a onze anos. “Foram escolhidos, criteriosamente, vinte alunos para iniciar o projeto piloto. Dentre os conteúdos oferecidos a música foi nossa prioridade, uma vez que os discentes da escola se interessam muito por canto”.

Marques ainda destacou que a música desenvolveu muito as habilidades cognitivas do grupo e o interesse pela escola. “A frequência é quase cem por cento e sentem-se comprometidos com as tarefas. A escola se tornou um ambiente prazeroso e complemento do lar. As crianças se empenham no horário das aulas e estão seguras enquanto os pais estão no trabalho. A família é nossa parceira, nos entregam seus filhos às sete da manhã e buscam às dezessete horas, sabendo que aqui estão sendo bem cuidados e orientados para a vida em sociedade”, afirmou.

Maria Francisca Marques,
Diretora da escola.

Para o próximo ano, a proposta é que seja formada mais uma turma com vinte e cinco alunos. “A escola abre suas portas para todos que desejarem conhecer a rotina destas crianças. Todos os funcionários estão voltados para atender e responder quaisquer perguntas. Também desenvolvemos outros projetos que estimulam a prática de esporte após o término do turno vespertino, se estendendo até o noturno. Cerca de cem crianças e jovens participam deste projeto. O objetivo destas iniciativas é ocupar a maior parte do tempo ocioso destes”, explicou. Maria Francisca também enfatizou que a escola está muito satisfeita com o resultado do projeto e com o empenho dos professores, pais e alunos.

De acordo com o professor e maestro Igor Silva, é muito gratificante ver o trabalho dando resultado. “É emocionante ver as crianças cantando e encantando. Trabalhamos com elas também a flauta doce, que em breve terá já sua primeira apresentação. Enfim tenho que agradecer a confiança da Diretora Maria Francisca em meu trabalho, e que ela continue exercendo esse papel brilhante na frente da Escola Estadual Padre Paulo, buscando sempre o melhor para as crianças que ali estudam”.

Igor Silva, professor de música

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄