Confira o resultado dos temas discutidos no Seminário Ambiental Lagoa Verde

Confira o resultado dos temas discutidos no Seminário Ambiental Lagoa Verde

Resultados dos debates do Seminário Ambiental Lagoa Verde:
Cada grupo discutiu dois temas. Mas houve uma junção do grupo que falaria sobre Arborização Urbana, Praças e Jardins com o grupo Lançamento de Lixo e Aterro Sanitário. Nesse grupo participaram o Secretário de Esportes Gilfar Alves Ribeiro, o coordenador do setor de parques e jardins Geraldo Belarmino Filho, Maria Elza, Maria Domingues Costa, Vinicius Rezende Silva, João Marcos Rezende Sasdelli Gonçalves, a vereadora Cida Marcelino e o chefe do setor de agricultura municipal, Otaviano de Oliveira, que foi o eleito delegado do grupo para ter direito a voz e representante pelo acompanhamento das propostas aceitas.

No tema
Arborização Urbana
foram definidas as seguintes propostas:
– Impor uma condição para que haja plantio antes do corte de árvores no município;
– Plantar árvores frutíferas nas vias públicas onde não há;
– Estudar a viabilidade da diminuição de impostos para quem zelar de suas árvores;
-Sempre denunciar corte de árvores.

No tema
Praças e Jardins
foram definidas as seguintes propostas:
– Promover campanhas de Educação Ambiental, palestras, gincanas nas escolas sobre a limpeza das praças;
-Transformar o parque dos Buritis em um parque Municipal;
– Implementar maior rigor na punição para os pichadores de praças em geral;
– Realizar parcerias com a população, empresas para manutenção das praças;
– Revitalizar praças com decoração de materiais recicláveis;
– Promover parcerias público/privadas para motivar as empresas a adotarem as praças;
-Fiscalização da Polícia Militar e Guarda Municipal nas praças;
– Instalação de mais academias ao ar livre;
– Instalação de mesas de jogos de damas nas praças para servirem de área de convívio da terceira idade.

No tema
Disposição do Lixo
foram apresentadas as seguintes propostas:
– Apelar para a população para colocar o lixo na rua após as 17:00 hrs, nos locais onde caminhão coletor só passa as 18:00 hrs, para evitar a exposição do lixo por tempo demorado. Divulgar a medida através dos meios de comunicação;
– Colocar mais lixeiras na cidade, principalmente na Avenida Brasil;
– Aumentar a vigilância através dos Guardas Municipais e advertir quem está poluindo as ruas;

No tema
Aterro Sanitário
Foi proposto:
– Implantar um sistema mais moderno de coleta de resíduos sólidos domiciliares;
– Substituir e reparar a frota de veículos de transporte de resíduos sólidos;
– Implantação de coleta seletiva.

Temas: Crimes Ambientais e Queimadas
Praia Municipal e Região do Entorno
Neste grupo estavam presentes: o vereador Di-Gianne Oliveira, Caroline Oliveira, Renata Carem, Charley de Oliveira Alves, o representante da AAPA, Saulo de Castro, Helder Gonçalves Dôco, Franciara Castro de Almeida, Adriene Correia, o comandante da Polícia Ambiental Edmilson José da Lage e o Secretário de Obras, Carlos Brasil Guadalupe.
Saulo de Castro foi eleito o representante do grupo.

No tema
Crimes Ambientais e Queimadas
foram definidas as seguintes propostas:
* Deve haver maior apoio para a Polícia Ambiental
* Criação de uma brigada de incêndio.
* Deve haver maior fiscalização. E para isso devem ser contratados novos fiscais para notificarem os infratores e no caso de novas ocorrências a aplicação de multa.
* A Secretaria de Obras deverá arar as áreas de loteamento antes da temporada de incêndio.
* Intensificar o trabalho de Educação Ambiental.
* Instalação de “Bomba Sapo” na lagoa (Praia Municipal) para combate a focos de incêndio. Deve ser feito em parceria da Prefeitura Municipal e o SAAE.
* Fazer a capina no parque da praia.
* O representante da AAPA Saulo de Castro relembrou o caso de poluição nos rios Santana e São Francisco por uma empresa da cidade. Sugeriu que a Secretaria de Meio Ambiente intermediasse um dialogo entre a empresa e a população.
* Se comprovada a responsabilidade da empresa, que ela cumpra um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) e caso não seja feito o TAC que a Prefeitura não renove o alvará da empresa.
* Deve ser feita a limpeza de lotes abertos. Trabalho em conjunto entre o proprietário, empresas e prefeitura.
* Instalação de Lixeiras na cidade
* A Prefeitura deve manter a limpeza do parque da praia.
* Usar a imprensa para promover educação ambiental, informar a população, fazer campanhas, etc.
* Fazer mensalmente reuniões nos bairros e convocar a população para participar de palestras, seminários, conferências, etc.
* A Secretaria de Meio Ambiente deverá tomar alguma providencia em relação à rua feita por um proprietário entre o bairro Cidade Jardim e COUNTRY CLUBE, não respeitando a área de uma lagoa.
* Foi sugerido que a Prefeitura procure os proprietários de onde é a “Lagoa do Brejão” e tente fazer um acordo de compra com eles para que seja executado um projeto feito pelo Secretario de Obras (Carlos Brasil Guadalupe). O projeto pretende tornar a área turística, cultural e de lazer. Caso não seja feito acordo, a sugestão é que a prefeitura desaproprie o local. Segundo o representante da AAPA o Ministério Público é a favor do projeto.

No tema
Praia Municipal e Região do Entorno
foram definidas as seguintes propostas:
* Realizar parcerias com empresas para revitalização do complexo.
* Como a praia não tem renda própria não é viável ser transformada em unidade administrativa autônoma.
* Associar as pessoas de forma não remunerada para controle e dimensionamento.
* Concluir a reforma do calçadão
* Concluir a construção da avenida perimetral do parque.
* O município deve ser mais criterioso em relação aos estabelecimentos a serem instalados no entorno da praia.

Linha Temática: Defesa dos animais e Poluição
Neste grupo estavam presentes: Lidiam Moises, Fabiane Fernandes, Mauro Ferreira, Maria Inês de Oliveira, Débora de Moura, Thiago Henrique, Bárbara Martins, Josiane Almeida, Edson Silva, Maria Eduarda, Marina Martins, Talita Borges e Joelma.
Foi eleita a delegada Talita Borges para os temas Defesa dos animais e Poluição.

No tema
Defesa dos animais
foram definidas as seguintes propostas:
1. Criar uma Associação, porém com os grupos separados que já estão definidos.
2. Promover a castração dos animais do abrigo municipal e os de rua.
3. Realizar Feiras de adoção.
4. Inclusão nas contas de luz e água uma quantia simbólica para contribuir no tratamento dos animais do abrigo e os de rua.

No tema
Poluição
foi definida a seguinte proposta:
1. Criar um projeto de Educação Ambiental com palestras colocando em evidência os diversos tipos de poluição que incomodam a população lagopratense.

 

Adriano Santos – Portal TV Cidade, Lagoa da Prata.

Matéria publicada no Jornal o Papel.


► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄