Câmara Municipal de Lagoa da Prata desmente boato de reajuste salarial para gestores na cidade

Câmara Municipal de Lagoa da Prata desmente boato de reajuste salarial para gestores na cidade

Publicação de um usuário causou repercussão nas redes sociais, mas presidente Câmara Municipal, Carol Castro, desmentiu e explicou que não foi aprovado ajuste para os gestores da Prefeitura e da Câmara na cidade.

Circulam nas redes sociais, publicações rechaçando um possível aumento na Câmara Municipal de Lagoa da Prata. Na imagem publicada por um usuário nas redes sociais, é possível ver valores que os gestores da atual administração ganhariam.

Foto: Reprodução/Internet

A Câmara Municipal desmentiu a informação por meio de nota divulgada no sábado (23), pela Presidente da Câmara, Carol Castro. Em nota, a Câmara Municipal afirma que não houve aumento e que não se pode confundir revisão aprovada para os Servidores Públicos Municipais com Revisão para os Agente Políticos. Confira abaixo:

“NÃO FOI APROVADO NENHUM PROJETO DE LEI CONCEDENDO AUMENTO PARA OS VEREADORES.

A Câmara Municipal de Lagoa da Prata informa que NÃO FOI APROVADO NENHUM PROJETO DE LEI CONCEDENDO AUMENTO PARA OS VEREADORES.

Não podemos confundir a revisão aprovada para os SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS com a revisão para os Agentes Políticos (Prefeito, Vice-Prefeito, Secretários e Vereadores).

Os Projetos aprovados na Reunião Extraordinária do dia 21/01/2021 se referem aos SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS.

O Projeto de Lei que trata a respeito da Revisão Geral Anual para o Prefeito, Vice-Prefeito, Secretários e Vereadores, ainda não passou pela deliberação do Plenário, considerando que sua votação foi adiada para a próxima segunda-feira.

Assim, como houve o pedido de adiamento da votação para a próxima reunião, SERÁ APRESENTADO UM REQUERIMENTO SOLICITANDO A RETIRADA DO PROJETO.

Portanto, NÃO HAVERÁ REVISÃO NA REMUNERAÇÃO dos Vereadores, Prefeito, Vice-Prefeito e Secretários.

Lagoa da Prata, 23 de janeiro de 2021″

 

 

 

 

 

Netwise

 

 

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄