fbpx

Câmara de Lagoa da Prata aprova revisão de valores para políticos e reajuste para servidores públicos

Correção dos salários do prefeito, vice, secretários e vereadores foi de 10,06% e teve como justificativa o aumento da inflação; confira como fica o vencimento de cada categoria.

A Câmara Municipal de Lagoa da Prata, na primeira reunião ordinária do ano, aprovou em segunda votação o Projeto de Lei CM 01/2022, que revisa os valores dos subsídios recebidos pelos agentes políticos do município. 

O cálculo da correção é feito com base no Índice Nacional de preços ao Consumidor Amplo (Inpca), que mede a inflação. Neste caso, a atualização dos valores recebidos pelo prefeito, vice-prefeito, secretários e vereadores foi de 10,06%, ficando o salário destes em:

  • Prefeito: R$ 20.225,42;
  • Vice-prefeito: R$ 10.112,66;
  • Procurador Municipal: R$ 9.101,38;
  • Secretários: R$ 9.101,38;
  • Oficial de Gabinete: R$ 9.101,38;
  • Vereadores R$ 5.460,74.

O Projeto de Lei, em sua justificativa, esclarece que não se trata de um aumento, e sim de uma compensação em virtude da inflação. Leia na íntegra:

 

“Deixamos bem claro que esta revisão não é aumento. É uma compensação em virtude da perda com a inflação acumulada nos últimos doze meses. Como o próprio nome já diz, é uma revisão e não um reajuste ou aumento”. 


Além da correção para os agentes políticos, os servidores públicos também foram beneficiados com um aumento de 1,86% em seus vencimentos, Assim, contando com a revisão de 10,06% com base no Inpca, os funcionários públicos da administração municipal tiveram um acréscimo de 12% nos salários em comparação com o ano passado. 

A primeira reunião ordinária da Câmara de Lagoa da Prata pode ser acessada na íntegra aqui. 

 

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄