fbpx

Bom Despacho – Diário Oficial Eletrônico completa um ano

Dia 24 próximo o Diário Oficial Eletrônico do Município de Bom Despacho (DOMe) completa um ano. Os bom-despachenses têm muito a comemorar, pois desde sua criação o cidadão pode acompanhar todos os atos relevantes da Administração.

[pull_quote_left]O DOM iniciou uma fase de transparência sem igual na Prefeitura. Foi abandonado o quadro de avisos que ninguém lia e todos podiam manipular. Os atos administrativos passaram a ficar disponíveis para toda a população interessada[/pull_quote_left]

“O DOM iniciou uma fase de transparência sem igual na Prefeitura. Foi abandonado o quadro de avisos que ninguém lia e todos podiam manipular. Os atos administrativos passaram a ficar disponíveis para toda a população interessada”, afirma o Prefeito Fernando Cabral.

Neste primeiro ano serão 252 edições. Com o DOMe, você pode acompanhar a Administração sem sair de casa e sem gastar nada. A assinatura é gratuita e você recebe o jornal todos os dias. Basta cadastrar seu e-mail na página http://dome.pmbd.mg.gov.br. Nesta mesma página você também pode ler todas as edições.

Saiba mais – O DOMe foi instituido pela lei 2.313/13 e regulamentado pelo Decreto 5.628/13. Nele podem ser publicados atos da Prefeitura, publicidade de caráter informativa, educativa e de orientação social, atos administrativos e processuais, além de editais de entidades e instituições sem fins lucrativos da cidade.

Administração transparente – Além do DOMe, a Prefeitura divulga suas ações na página oficial (www.bomdespacho.mg.gov.br), no facebook (prefeitura.bomdespachomg), no jornal impresso Boa Notícia e no informativo virtual Servidor em Rede.

A Administração também cumpre a Lei de Acesso à Informação (Lei 131/09 – Lei 12.527/11). Todos os dados referentes à licitações, compras e demais transações podem ser acompanhadas e conferidas no Portal da Transparência (http://pmbd.mg.gov.br/portaltransparencia).

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Bom Despacho.

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄