Autor de tráfico de drogas é detido no bairro Marília

Autor de tráfico de drogas é detido no bairro Marília

O homem já possui passagens na polícia por tráfico e também por um crime de homicídio, no qual, já cumpriu a pena.

No dia 15 de maio, durante o patrulhamento preventivo da Guarda Civil Militar de Lagoa da Prata, foi realizada a prisão de um homem por tráfico de drogas. Não foi divulgado a idade do autor, que foi preso através de uma denúncia anônima recebida pela guarda na ocasião. A Polícia Militar também contribuiu para ajudar a localizar o homem que tentou fugir mas acabou detido.

Confira a nota da Guarda Civil  esclarecendo o ocorrido

Durante patrulhamento preventivo pela rua Dona Maria Martins de Abreu, guarnição Canil/GCM recebeu denúncia anônima de que um indivíduo magro e trajando camisa bege, usando uma bicicleta de cor vermelha estaria realizando tráfico de drogas naquele local, e que as drogas estariam escondidas em meio a vegetação.

De imediato deslocaram ao local onde foi empregado o Cão Argos, o qual logrou êxito localizar (04) quatro eppendorf com substâncias análoga à cocaína, (28) vinte e oito pedras de substância análoga à Crack e ainda (02) duas buchas de substância esverdeada análoga à maconha.

Ainda pelo local, a guarnição notou a aproximação do suspeito, o qual ao avistar a viatura GCM empreendeu fuga, adentrando em sua residência e pulando sobre vários muros e tomando rumo ignorado.

Contudo, a guarnição conseguiu identificar o suspeito, o qual é amplamente conhecido no meio policial pelo envolvimento com o tráfico de drogas, inclusive já tendo cumprido pena por este delito e também por tentativa de homicídio, e após intenso rastreamento pelas mediações a guarnição GCM, com o apoio da viatura PM avistou novamente o suspeito, o qual foi abordado submetido a busca e nada de pessoal foi encontrado em seu poder, e questionado sobre a fuga, este disse que não estava traficando, e sim usando drogas.

Ante o exposto, o suspeito recebeu voz de prisão em flagrante, sendo orientado e cientificado quanto aos seus direitos e garantias constitucionais, encaminhado a UPA para exame de corpo de delito e em seguida conduzido a Delegacia de Polícia Judiciária juntamente com o material apreendido para as devidas providências da Autoridade Policial.

 

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄