fbpx

7 de Setembro é comemorado com o Dia Cívico-Cultural na praia

De manhã as escolas municipais, Apae, Grupo da terceira idade e Banda Lira São Carlos se apresentaram.
Ouve também o hasteamento da bandeira pela Guarda Municipal e presença de autoridades.
Na parte da tarde bandas locais, grupos de dança, capoeira, além de muita atividade cultural fizeram parte da programação.

O secretário municipal de Cultura e Turismo, Ricardo Costa, explica o motivo da mudança de local das comemorações da Independência. “O 7 de Setembro é ligado à questão da identidade. A nossa identidade é a praia municipal. Nosso projeto é trazer o maior número de eventos para a praia e conquistar a confiança do lagopratense para que ele venha à praia. Aqui as crianças estão protegidas do sol em várias tendas, tem água, banheiro e atrações culturais. É um dia todo de festa, de comemoração. Nossa expectativa foi superada, vemos isso no rosto das crianças e das professoras”, afirma Costa.

A Guarda Civil Municipal de Lagoa da Prata participou do evento e foi a responsável pelo hasteamento das bandeiras. O guarda Uerlei Goulart levou o filho e falou da importância de ensinar as crianças as noções de cidadania. “Tenho que dar o exemplo como pessoa e como Guarda para a sociedade. Uma forma fácil foi trazer meu filho caracterizado. Ele se identifica muito com o serviço. Já ensinei a ele todo o regimento da Guarda. Nada melhor do que no 7 de Setembro mostrar para a população a importância da cidadania, e principalmente, começando pela educação das crianças”, disse Goulart.

A artista plástica Suzana Alves expôs uma pintura de sua autoria e outras três obras produzidas por seus alunos. Ela ensina pintura na Fundação de Turismo e Cultura de Lagoa da Prata (Futura). As aulas são realizadas na manhã de terça-feira e noite de quarta.

 

 

 

 

 

 

► DEIXE ABAIXO SEU COMENTÁRIO ◄