COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

Vicente Rodrigues foi assassinado no próprio salão de beleza. PM suspeita de latrocínio e autores ainda estão foragidos.

Do G1 Centro-Oeste de Minas

A morte do vereador de Araújos, Vicente Rodrigues Coelho, conhecido como “Vicente Cabeleireiro”, ocorrida nesta quinta-feira (25), mobilizou a cidade. O parlamentar foi atingido com um tiro na cabeça dentro do salão de beleza onde trabalhava. A Polícia Militar acredita que o parlamentar tenha sido vítima de latrocínio. Os autores do crime ainda estão foragidos. A vítima será velada no salão dos Vicentinos.

Continua depois da publicidade.

Segundo uma amiga da vítima, esta não foi a primeira vez que o vereador foi alvo de criminosos. Em seu primeiro mandato, Vicente lutava contra violência no município. “Era um vereador atuante que sempre esteve preocupado com a criminalidade na cidade, discutia sobre os assaltos e roubos, sempre batia nessa tecla “, destacou o presidente da Câmara, Leandro Cabral.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, a vítima de 57 anos estava em um salão de beleza que pertence a ele quando foi abordado por criminosos. A polícia suspeita que o crime tenha sido cometido por duas mulheres e dois homens, mas ninguém ainda foi identificado.

Vizinhos do estabelecimento disseram aos militares que escutaram uma discussão dentro do local. “Relataram que ouviram uma discussão. Havia voz de mulheres e de homens. Depois possivelmente os suspeitos fugiram a pé”, disse o sargento da PM, Wagner Vieira.

Morte de vereador mobilizou a cidade (Foto: Reprodução/TV Integração)
Morte de vereador mobilizou a cidade
(Foto: Reprodução/TV Integração)

Ainda segundo o sargento, o conteúdo de um cofre que havia no quarto dele foi roubado, o que levanta a suspeita de latrocínio – roubo seguido de morte. “Trabalhamos com essa hipótese, até porque a casa estava revirada. A vítima pode ter sido rendida no salão e levado para dentro da casa dele, onde foi morto no quarto”, disse o policial.

A perícia técnica esteve no local do crime. O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico legal  (IML) de Nova Serrana e deve chegar em Araújos por volta de 13h, onde será velado no salão dos Vicentinos.

Mobilização

“Vicente Cabeleireiro” nasceu em Araújos. Era vereador eleito pelo PSBD e, além de exercer o cargo público, era conhecido também como barbeiro. “Na política ou sem ser na política ele era uma pessoa boa, de coração bom. Já havia sido assaltado uma vez e saiu bem. Agora acontece isso, um cara bom, morre trabalhando honestamente. Estamos todos abalados”, desabafou a amiga, Marília Silva.

“Ele era uma pessoa maravilhosa. Muito boa pessoa. Não merecia ser vítima de uma causa que ele lutava tanto. A cidade gostava muito dele, não fazia mal para ninguém. Sem dúvidas muito querido”, disse a motorista Juliana Camargos.

Abalado com a situação, o irmão da vítima, Osvaldo Elias Rodrigues, pede justiça. “Vamos querer justiça. Se é que tem isso no Brasil ainda”, finalizou.

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp