COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade .

Os policiais militares faziam patrulhamento pela área central de Divinópolis,  quando os mesmos foram comunicados pela sala de operações da unidade, de que uma funcionária do Banco DIVINOCRED havia ligado dizendo  um indivíduo em atitudes suspeitas estava atrás de um veículo que estacionado de frente ao referido banco.

Imediatamente, os militares se deslocaram para o local onde, os encontraram com os indivíduos citados. Ao perceber a presença da polícia um indivíduo que estava sobre uma motocicleta pegou o outro suspeito que estava observando o banco e evadiram em alta velocidade tomando rumo ao bairro Engenho de Serra.

Continua depois da publicidade .

Os militares então iniciaram o acompanhamento visual da motocicleta, acionando as guarnições de serviço para o apoio. Ao aproximarem do veículo perseguido com a sirene e as luzes do girflex ligadas, determinaram que os indivíduos parassem o mesmo para serem abordados. Porém, os militares não foram acatados pelos suspeitos que evadiram em alta velocidade, percorrendo várias ruas daquele bairro, colocando em risco a integridade física de pessoas que transitavam na via. Ao realizarem uma manobra para tentar fugir da viatura, o condutor perdeu o controle da motocicleta, vindo os dois indivíduos a caírem ao chão, momento em que os militares conseguiram aproximar-se para realizar a abordagem.

Os indivíduos foram abordados e identificados como sendo o autor A.D. M. de 33 anos e um menor infrator de 16 anos.

Durante a abordagem de busca pessoal um dos indivíduos, tentou se levantar do chão, e jogar uma arma que estava sob sua posse em um córrego, mesmo realizando o feito ela localizada e apreendida pelos militares. Ao serem indagados os autores disseram aos militares que iriam escolher uma vítima que saísse do banco e em seguida praticariam o assalto. A arma que seria utilizada pelos infratores da lei é um revolver calibre 32 e se encontrava carregada com 05 munições intactas.

Diante dos fatos narrados, o autor A.D.M foi preso e o menor infrator foi apreendido e em seguida levados até o Pronto Socorro Municipal para atendimento médico. Após o atendimento foram conduzidos para a Delegacia da Polícia Civil local, onde foram entregues juntamente com o revólver e demais materiais apreendidos ao investigador de polícia de plantão. A motocicleta foi removida para o pátio do Socorro Retina, onde encontra-se a disposição da autoridade policial.

moto divi

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp