Semana da Saúde de Lagoa da Prata realiza 6 mil atendimentos

COMPARTILHAR
Foto: Arquivo da Biosev

Evento faz parte do programa Educação para Saúde da Biosev

A Semana da Saúde de Lagoa da Prata, organizada pela Biosev em parceria com a Prefeitura, Escola de Enfermagem Santa Clara, Sesi e outros órgãos, realizou de 9 a 12 de maio cerca de 6 mil atendimentos para a população do município, da cidade de Luz e para os colaboradores da empresa. A iniciativa integra o programa de Responsabilidade Social da Biosev, Educação para a Saúde, e é realizada em todas as unidades da companhia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE . .

A ação preventiva de saúde com base na disseminação de informações e conscientização foi desenvolvida para os colaboradores da empresa nos dias 9 e 10, na própria unidade. Já a população de Lagoa da Prata e Luz tiveram acessos aos serviços de saúde oferecidos gratuitamente nos dias 11 e 12, respectivamente.

A iniciativa disponibilizou aferição de pressão arterial e levantamento de IMC (Índice de Massa Corporal), que é utilizado internacionalmente para avaliar o grau de obesidade de uma pessoa. Além da medição, a população teve a disposição academia com a presença de educador físico e um espaço recreativo para as crianças. Os participantes também tiveram orientações para a melhoria da qualidade de vida, como nutricional, saúde auditiva e bucal e hábitos saudáveis, além de explicações sobre diversos tipos de Câncer, como próstata, mama, colo do útero entre outros) e DST/Aids.

“A realização da Semana da Saúde é mais uma forma de fortalecer parcerias e ainda oferecer serviços e atividades que impactam positivamente na vida das pessoas. Nosso intuito é incrementar cada vez mais o papel da empresa como indutora do desenvolvimento local e geradora de valor compartilhado para melhorar as condições socioeconômicas nas comunidades em que atuamos. “, afirma Tânia Fernandes, Superintendente da Biosev no Polo Lagoa da Prata.

Sobre a Biosev

A Biosev é a segunda maior processadora de cana-de-açúcar do mundo, com 11 unidades em operação, estrategicamente organizadas em cinco polos agroindustriais: Ribeirão Preto, Mato Grosso do Sul, Nordeste e Leme e Lagoa da Prata. A companhia, controlada pela Louis Dreyfus Company Holdings, iniciou sua atuação na indústria de açúcar-etanol em 2000 com a aquisição de sua primeira unidade no Brasil. Atualmente tem capacidade de processamento de 36,4 milhões de toneladas/ano de cana-de-açúcar e 1.346 GWh/ano de energia elétrica renovável excedente, gerada a partir da utilização do bagaço de cana-de-açúcar e outras biomassas. Para armazenagem e movimentação de açúcar, a empresa possui uma joint venture no TEAG – Terminal de Exportação de Açúcar do Guarujá Ltda. Em 2013, a empresa ingressou no Novo Mercado da BM&FBovespa, segmento que adota os mais altos padrões de governança corporativa. www.biosev.com

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp