COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

Na rua José Bernardes Lobato, uma caçamba e uma carroceria estão sendo utilizadas como depósito de lixo do Cemitério da Saudade e causando transtornos aos moradores devido ao mau cheiro e à proliferação de escorpiões e baratas nas residências.

Um pedreiro que trabalha em uma obra em frente às “lixeiras” disse que já presenciou até cabelos e pedaços de urna misturados ao entulho e restos de túmulo. Segundo um morador do local, o problema persiste há muitos anos e já foram feitas diversas reclamações na prefeitura. “Já vieram aqui e disseram que iriam resolver. Mas é tudo papo de político. Continua essa bagunça. Dá uma imagem péssima para a cidade. Pessoas de fora que vêm ao velório e estacionam por aqui, às vezes tem que ter cuidado para não pisarem em sujeira. Já ficaram até um mês sem recolherem esse lixo. Nós já estamos cansados. Não tem quem toma uma providência. Fica só na conversa. Às vezes, eles limpam, mas daí a quinze dias a sujeira está toda aí toda novamente. Falta é boa vontade em resolver o problema. Tem pessoas que aproveitam a sujeira e jogam animais mortos nas caçambas”, disse o morador.

Continua depois da publicidade.

A Assessoria de Comunicação da Prefeitura informou que com relação à “carretinha”, a Secretaria de Meio Ambiente – responsável pela limpeza e manutenção dos cemitérios da cidade, irá retirar o lixo proveniente do cemitério. “Terá outra forma de coleta”, informa a nota enviada ao Jornal da Cidade.

Quanto à caçamba de entulho, a assessoria informou que ela não foi alugada pela prefeitura e é de responsabilidade de algum morador das imediações.

 

Conteúdo exclusivo do portal TV Cidade Lagoa da Prata. A reprodução total ou parcial está expressamente proibida sem a autorização por escrito da produtora, conforme determina a Lei de Direitos Autorais (Lei 9.610), estando o infrator sujeitos às penalidades impostas pela legislação. É permitida somente a divulgação do teor integral por meio de compartilhamento nas redes sociais.

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp