COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

Faleceu na manhã desta segunda-feira (31) o senhor Rui Amorim, ex-prefeito de Lagoa da Prata. Seu corpo está sendo velado na Câmara Municipal de Lagoa da Prata e seu sepultamento será realizado às 19 horas.

Rui nasceu em 1937 e era filho de Pedro e Zenite, e irmão de Romeu, Rômulo e Ismênia.  Sua infância foi de muito trabalho braçal. Concluiu a quarta série na Escola Jacinto Campos. Em 1959 casou-se com Iva, filha do senhor Orlando, com quem teve os filhos Ramiro, Paulo Henrique, Cynara e Ruizinho.

Continua depois da publicidade.

Trabalhou na Estação Ferroviária como empilhador de lenhas em máquinas  ferroviárias e treinador de novatos para a mesma função. Foi trabalhador de confiança de cafeicultores da região, onde era encarregado de registrar dados pertinentes ao café dos fazendeiros.  Ainda na  estação, dedicou-se  à profissão de telegrafista e conferente. Trabalhou na Rede, indo e voltando, durante três anos de Garças até Lagoa da Prata.  Passado algum tempo, Rui foi transferido como chefe da Estação de Luciânia. Ainda em Lagoa da Prata, montou um ponto de comércio para vender frutas, verduras e legumes. Como o negócio deu certo, resolver então ampliar para a cidade de Luz.

rui okTrabalhou como construtor de casas e prédios em Lagoa da Prata e Belo Horizonte. Mais tarde, Rui resolveu entrar para a política como vereador do partido da ARENA. Em 1971 tornou-se membro do Rotary Club de  Lagoa da Prata. Foi prefeito de Lagoa da Prata de 1977 até 1982 (na época o mandato era de cinco anos), onde realizou como maior feito, o asfaltamento da estrada que liga Lagoa da Prata até Moema.  Construiu creches, cemitério , pátio de obras da prefeitura, inaugurou o Terminal Rodoviário em 1982, inaugurou a torre da Telemig em 1977; o Museu Dona Alexandrina; o Fórum de Lagoa da Prata; a Escola Chico Rezende; Conjunto Habitacional Chico Miranda; Casa com recursos do Prodecom, Conjunto Habitacional Chico Resende II, Terminal Turístico, Escola Dr. Arnaldo de Faria Tavares, a implantação do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) e inaugurou a asfaltamento da Avenida Brasil. Como prefeito também fornecia os instrumentos necessários, uniformes e transporte para a Fanfarra Municipal. Construiu o Ginásio Poliesportivo Francelino Pereira; e fundo a banda Lira de São Carlos. Tirou da zona urbana o matadouro municipal que tanto incomodava a população com os odores fortes. Construiu também  o prédio da Câmara Municipal.

20150831_160435Em 1968 Rui tornou-se membro da sociedade de São Vicente de Paulo, onde teve a oportunidade de proporcionar benefícios à comunidade lagopratense como a construção das creches na Vila Vicentina e casas para pessoas carentes.

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp