COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

Normalmente alguns golpes são aplicados em caixas eletrônicos de agências bancárias, do lado de fora das agências ou em residências. Em sua grande maioria as vítimas são pessoas idosas e/ou sem muitas informações. Na cidade de Iguatama um telefonema conseguiu enganar duas funcionárias de uma Casa Lotérica e o golpe trouxe um prejuízo ao estabelecimento de mais de R$68 mil.

O caso aconteceu na tarde de quinta-feira (04). Segundo duas funcionárias da casa lotérica, elas atendiam os clientes quando receberam um telefonema de um homem se identificando como gerente da Caixa Econômica Federal. Na ligação, o golpista pediu para que as duas parassem de atender o público e seguissem algumas ordens.  O homem pediu para que as funcionárias efetuassem diversos depósitos em diferentes contas bancárias. De imediato as funcionárias depositaram a quantia de R$60 mil.

Continua depois da publicidade.

Pouco tempo depois o estelionatário ordenou que uma das mulheres fosse até um caixa eletrônico e efetuasse algumas transferências. O bandido disse para a moça que assim que terminasse as transferências no caixa eletrônico ela deveria ir até a agência dos correios e pegar uma encomenda. Os policiais acreditam que o objetivo do estelionatário era separar as duas atendentes durante o golpe.

Por fim o homem exigiu que uma das funcionárias colocasse todos os comprovantes de depósito dentro de um balde com água para que eles fossem destruídos. Somente depois de cumpridas todas as ordens é que elas perceberam o golpe. O proprietário da Lotérica chamou a Polícia Militar. As contas foram rastreadas, mas todo o dinheiro já havia sido sacado.

 

Adriano Santos – TV Cidade, Lagoa da Prata.

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp