COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

Voluntários da Fundação Futura buscam apoio para manter seus projetos. De acordo com um dos voluntários, Silas Rossi Cândido, a Fundação Futura visa ajudar a comunidade, divulgar a arte no município e a ingressar as pessoas no mercado de trabalho. A fundação é mantida com o dinheiro do próprio projeto. “Os cursos têm uma mensalidade simbólica, e é este que nos ajuda a manter o projeto. Nosso maior objeto é divulgar e ensinar a arte, cultura e o esporte”, afirmou.

Silas Cândido à esquerda com um dos seus alunos.
Silas Cândido à esquerda com um dos seus alunos.

O projeto de oferecer os cursos teve início  em janeiro. “Começamos a elaborar logo no início ano e agora, em fevereiro, estamos colocando em prática. Mas, os cursos terão início na primeira semana de março. A idade mínima para participar do curso é de 7 anos”, destacou.

Continua depois da publicidade.

Silas também frisou que a fundação tem buscado parcerias para manter o projeto. “Estamos buscando parceiros para nos ajudar. A ideia é que futuramente os professores tenham os seus salários e os materiais dos alunos sejam ofertados pela própria fundação”, frisou.

A Fundação Futura atende pessoas de todas as classes sociais e também realiza o projeto em diversas instituições do município. “Em média, certificamos de seis em seis meses cerca de 300 alunos. Atendemos um projeto da igreja católica, APAE, cadeia, AMAVI, entre outros. O que eu gostaria de destacar é que as pessoas precisam enxergar projetos assim como uma prevenção.É mais fácil prevenir do que tentar consertar um jovem que às vezes se envolve com coisas erradas”, afirmou.

A Fundação tem um custo médio de 5 mil reais mensais. “Temos uma ajuda da prefeitura, que paga a água e a energia. Precisamos manter dois funcionários, colocar internet para as crianças, colocar combustível e acertar a documentação do nosso veículo, que atende as entidades, entre outras coisas”, disse.

12742405_1128178027206349_8407293184034998823_n

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp