COMPARTILHAR
Foto: Ilustração / Reprodução da internet
Continua depois da publicidade.

A festa aconteceu entre os dias 10, 11 e 12 outubro

Considerado o maior polo de fogos de artifício do país e o segundo maior produtor mundial, depois da China, comemora as vendas. Entre os dias 10, 11 e 12 de outubro, a festa de Nossa Senhora  Aparecida, em Aparecida do Norte, foi celebrada com fogos doados pelos empresários do ramo de Santo Antônio do Monte.  Em valores de mercado, a doação seria de cerca de 150 mil.

De acordo com o diretor da Associação Mineira dos Empresários da Pirotecnia (Ame Pirotecnia), que faz parte do Sindicato das Indústrias de Explosivos no Estado de Minas Gerais (Sindiemg), Ivan Lopes de Campos, a iniciativa é uma oportunidade para mostrar os fogos produzidos no município aos turistas de todo o Brasil. “Quando soubemos que eram os 300 anos, tivemos uma emoção muito grande. É tradição em todo o país o uso dos fogos no dia da Padroeira, então, fizemos a nossa homenagem. Também é uma chance de mostrarmos a beleza dos fogos a mais de 200 mil pessoas esperadas em Aparecida no dia 12”.

Continua depois da publicidade.

Negócios – Apesar das dificuldades impostas pela crise econômica, a Ame Pirotecnia tem motivos para agradecer. O ano deve fechar com um crescimento de 5 a 10% no faturamento com a conquista de novos nichos no mercado. Em 2016, o polo faturou cerca de 60  milhões de reais e produziu 20 toneladas de fogos de artifício. São mais de 2.500 postos de trabalho diretos e 12 mil indiretos.

*Com informações do Diário do Comércio

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp