COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.
Certificado coloca a empresa em um patamar internacional de segurança alimentar

Após dois anos de adaptações, adequações estruturais, reestruturação de documentos e elaboração de planos de análise de perigos e pontos críticos de controle (APPCC), a Embaré conquistou, na última sexta-feira (26/2), a certificação FSSC 22000, concedida a empresas que possuem um sistema de gestão de segurança dos alimentos implementado e eficaz.

O presidente da empresa, Hamilton Antunes, falou sobre o crescimento da empresa.
O presidente da empresa,
Hamilton Antunes, falou sobre o
crescimento da empresa.

Dentre as mudanças realizadas, destacam-se a substituição de grade por muro no entorno da fábrica, substituição do revestimento externo, novo piso na área externa, pintura de faixas de sinalização, além de reformas na portaria de entrada de colaboradores, no refeitório e na lanchonete. A partir desta certificação, serão realizadas auditorias anuais de manutenção.

Continua depois da publicidade.

Para o coordenador do Sistema de Gestão Integrada, Luiz Augusto Rezende Lima, também coordenador do projeto de certificação, a conquista da certificação irá abrir novas oportunidades de negócios, além de disponibilizar produtos seguros, atendendo as expectativas de nossos clientes e consumidores.

Segundo o diretor-presidente da Embaré, Hamilton Antunes, a FSSC 22000 representa uma nova abordagem para a gestão de riscos de segurança de alimentos em toda a cadeia de abastecimento e sua conquista, além de certificar que a produção da empresa segue os mais altos índices de qualidade e segurança, ampliará o número de países com os quais negociamos. “Esta importante conquista certamente representará, num curto espaço de tempo, crescimento em nossas vendas no mercado externo”, destaca o executivo.

 
A Embaré

Sexta maior empresa de lácteos do país, a Embaré Indústrias Alimentícias S.A. atua no mercado há 80 anos. Detentora da marca Camponesa, possui fábrica em Lagoa da Prata, com mais de 37,5 mil metros quadrados de área construída e capacidade de processamento de 2 milhões e 400 mil litros de leite por dia. Na área de confeitaria possui capacidade produtiva de 2 mil toneladas por mês. A empresa produz uma ampla linha de produtos lácteos, além dos tradicionais caramelos que são hoje exportados para 45 países nos cinco continentes.

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp