COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade .
Prefeitura investe anualmente R$ 15 milhões na rede municipal de ensino

A revista Exame publicou uma matéria no dia 2 de março destacando o nível da educação das cidades do Brasil, através do Índice de Oportunidades da Educação Brasileira (IOEB). O levantamento mostra que Lagoa da Prata é uma das 500 cidades que superam a média nacional, obtendo índice de 5,3 – ficando
a apenas 0,8 da primeira colocada. Outros municípios da região não conseguiram classificação entre os 500 melhores, como Bom Despacho, Arcos, Santo Antônio do Monte, Bambuí, Nova Serrana e até Divinópolis. Lagoa da Prata está apenas 0,8 décimos de diferença da maior nota do país. “Essa classificação muito nos orgulha, pois temos cidades que são ricas em arrecadação e não constam no ranking. Em um curto espaço de tempo conseguimos muitos avanços devido à força de vontade, planejamento, amor e um investimento responsável do dinheiro público. Somos uma equipe de técnicos em educação, por isso temos uma visão mais ampla”, disse a secretária de educação Paulene Andrade.

Atualmente, o município investe cerca de 15 milhões de reais por ano em educação (aproximadamente 1 milhão e 250 mil reais mensais). O município possui 8 escolas na área urbana, 1 na zona rural, 5 creches e 1 Centro de Atenção aos Alunos Portadores de Deficiência. Para atender os 3 mil alunos a rede municipal de ensino conta com 484 profissionais.

Continua depois da publicidade .

INVESTIMENTO EM INFRAESTRUTURA

De 2013 para 2015 a Prefeitura Municipal de Lagoa da Prata investiu 44 milhões de reais na educação. Parte desse valor foi aplicada em estrutura, reformas e construções.

Reforma da Escola Municipal Jacinto Campos

Foram investidos quase 300 mil reais na reforma. A escola
Jacintotambém recebeu carteiras novas, lousas em todas as salas
e novos equipamentos, beneficiando quase 700 alunos e 58
funcionários.

 

Creches municipais

Foram investidos mais de 260 mil reais nas creches do município,
que receberam quadra coberta, pintura, camas elásticas,
mobiliário e equipamentos, beneficiando 400 crianças. “Quando
Creche Risoletaassumi a secretaria, a fila de espera era de mais de
300 alunos e hoje conseguimos diminuir essa fila de espera
em 50%. A demanda ainda é grande, pois ainda não conseguimos
atender a todos, mas já avançamos demais.
Ainda será realizada a ampliação do CEMEI Castelinho
Encantado e a construção da Escola Alexandre Bernardes
Primo, no centro da cidade.

 

Construção da Escola Municipal Afonso Goulart

Alunos da Escola Municipal Afonso Goulart receberão em
Afonso Goulart 1breve uma instituição ampla e confortável, que foi construída
com o valor total de 1 milhão e 500 mil reais com recursos
próprios do Município.

 

CEMEI Professor Mourão

Parquinho MourãoO Cemei recebeu um refeitório amplo, nova secretaria e uma
nova área de lazer, onde foram investidos 233 mil reais.

 

Reforma da Escola Municipal João Fernandes

Escola João FernandesForam investido mais de 128 mil reais na reforma da escola.
As crianças receberão uma nova área de lazer e toda a estrutura
física foi reformada. A entrega da obra deverá acontecer
no mês de maio.

PROJETOS EDUCACIONAIS

Diariamente, passam pelas escolas municipais cerca de 3 mil alunos, que além de desfrutarem do ensino proporcionado também tem acesso a projetos educacionais como:

Projeto Ciranda da LeituraCiranda do Brincar
O Ciranda do brincar oferece aulas especializadas que motivam
as crianças da educação infantil. São oferecidas aulas de música, dança, psicomotricidade, artes e oficinas pedagógicas.

PROMED
O PROMED (Programa Municipal de Erradicação das drogas) é
um projeto similar ao PROERD (Programa de Combate às Drogas
do Estado), que antes era oferecido em Lagoa da Prata. O
projeto será desenvolvido nas escolas municipais tem parceria
com o policial Edmar Nunes.

AMAVI na escola

O projeto atende crianças da rede municipal, propiciando aulas
de esporte, reforço escolar e atendimento psicossocial. O
AMAVI na escola está atrelado ao Projeto Tempo Integral e em
2014 recebeu o “Prêmio Mineiro de Boas Práticas na Gestão
Municipal”, se classificando em primeiro lugar no estado de
Minas Gerais.

Projeto Congo Mirim

A Editora do Brasil premiou o projeto Congo Mirim, que foi desenvolvido pela professora Adircilene Batista, da Escola Municipal Monteiro Lobato. O projeto se classificou em 1º lugar em
Minas Gerais e 3º no Brasil.

PNAIC/PIP
O PNAIC/PIP são ações pactuadas pelo município de Lagoa da
Prata que visam assumir a alfabetização e letramento de crianças
até 8 anos de idade. Esse trabalho tem garantido o avanço
escolar de 85% dos alunos atendidos.

Projeto Tempo Integral
NataçãoDe acordo com a secretária Paulene Andrade, o projeto Tempo
Integral é de grande importância para o aluno. “Esse projeto
possibilita afastar os alunos do perigo das ruas, das drogas e
ainda oferecer segurança para os pais que precisam trabalhar
o dia todo. O Tempo Integral oferece ao aluno aulas de reforço
escolar, ajuda no dever de casa, oficinas de xadrez, karatê,
Karatê - J. Fernandeshorticultura, natação, outros esportes e teatro”, afirmou. Paulene
ainda frisou que o projeto é baseado em países de primeiro
mundo, como a Finlândia, que adota o tempo integral. Hoje
atende 280 alunos nas quatro escolas municipais do ensino
fundamental.

 

Mais investimentos na educação infantil

Paulene Andrade destacou os objetivos que ainda tem à frente da secretaria. “Já alcançamos muitas metas, mas para o futuro queremos implantar um sistema de ensino para a educação

Paulene Andrade - secretária de educação de Lagoa da Prata
Paulene Andrade – secretária de educação de Lagoa da Prata

infantil, que seria da creche até o ensino fundamental. O processo de aprendizagem dessas crianças é muito importante para nós. E este sonho não está longe de ser realizado. Ainda este mês, a equipe do NAME estará em Lagoa da Prata para nos mostrar como o sistema funciona na creche.Assim, se acharmos que é interessante e se couber no orçamento iniciaremos o processo”, afirmou.

O Sistema NAME: uma conquista inigualável

O NAME é um projeto totalmente inovador que leva educação de excelência às escolas da rede pública, com acesso à estrutura e ao conteúdo pedagógico de uma das maiores instituições de ensino do país, o COC. O NAME é um sistema de ensino equivalente ao usado nas escolas de redes particulares e hoje é considerado modelo no mercado. Está presente em mais de 80 municípios do estado de São Paulo, atingindo o surpreendente número de mais de 150. 000 alunos que têm acesso a essa educação diferenciada. “O NAME proporciona oportunidades iguais aos alunos que estão na rede particular de ensino. O nosso aluno da rede pública merecem uma educação de qualidade, pois os pais pagam impostos e esse tem que ser revertido ao aluno. Esse sistema foi um divisor de águas na educação e tem uma aprovação de 100% por parte dos professores, dos pais e dos alunos. O material
didático é de excelente qualidade e os profissionais são capacitados pelo próprio sistema. Isso acontece desde o gestor ao professor e ainda os profissionais do sistema vão até as salas de aula para saber se o sistema está atendendo às necessidades dos alunos”, destacou a secretária.

Resultados no concurso Prova Brasil Premiada

Competindo com alunos de todo Brasil, três alunos da rede Prova Brasil Premiadamunicipal de ensino de Lagoa da Prata foram premiados por se classificarem em uma prova realizada a nível nacional. O sistema foi adotado pela Prefeitura de Lagoa da Prata, que investiu cerca
de 500 mil reais.

Alimentação de qualidade oferecida aos alunos

Para garantir uma melhor alimentação para as crianças da rede municipal de ensino, são investidos na alimentação cerca de 171 mil reais por mês através de recursos próprios. A secretária afirma que a melhora na alimentação das crianças gera
grande satisfação por parte dos pais e dos alunos. “Houve uma época que a merenda era pão com molho e sopinha de fubá. Hoje, as crianças têm frutas, torta de frango com legumes, bolo com iogurte, estrogonofe, feijoada, entre outros pratos saborosos. Nós recebemos um repasse insuficiente para a merenda, e o município tem que arcar com as despesas para garantir essa fartura”, disse Andrade.

De acordo com a nutricionista Lidiene Fernandes, a alimentação das crianças é toda pautada em alimentos Merendasaudáveis e nutritivos. “Buscamos oferecer uma alimentação saudável e ao mesmo tempo oferecer algo que eles gostem. Infelizmente, algumas crianças não têm em casa a oportunidade de ter uma alimentação melhor, assim, tentamos
oferecê-la no ambiente escolar”, afirmou.

 

Depoimentos

“As aulas do projeto de dança e música são muito legais e divertidas. Mas a que eu mais gosto é da educação física, do EmilyProfessor Alexandre, que tem a brincadeira do corre e agacha”. Emilly Vitória Teixeira Ferreira, aluna do 1º período do CEMEI Alexandre Bernardes.

 

 

 

“Gostamos muito da escola! Profissionais dedicados e competentes. Nossa filha adora as aulas de música, inglês e EssineiaEducação Física! “O Name é bem puxado”, diz a criança. A merenda é ótima e a preferida da nossa filha é o estrogonofe”. Essineia Dutra e Anderson Calazans , pais da Geovana.

 

“Eu gosto muito da minha escola. Ela é grande e bonita. As professoras são muito boas e a merenda é gostosa igual a comida Leticia Branco Vazda minha mãe. Tenho vários amigos e lá a gente aprende e brinca. Queria mandar um beijo para a minha professora Jaqueline Aparecida Morais”. Letícia Branco Vaz, aluna da Escola Municipal Dr. Jacinto Campos.

 

“Hoje com orgulho, sem amarras com a demagogia, considero-me privilegiada por fazer parte de uma rede que tem como katyaproposta curricular o Name, um sistema de ensino que agregou e transformou a minha prática docente, oferecendo-me um leque de metodologias, resumidas numa linguagem interativa, com estratégias que estimulam o meu aluno avançar”. Kátya Margaret Giovani, professora

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp