COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade .

Das três chapas que disputam as eleições em Lagoa da Prata, somente uma está com as contas no vermelho, segundo informações prestadas à Justiça. Os candidatos à Prefeitura têm poucos dias para correr atrás de votos, mas no caso do candidato Divininho, também tem pouco tempo para captar recursos e não terminar a campanha com dívidas. O balanço das prestações de contas de todos os concorrentes revelava um saldo positivo de R$ 25.587,59 até a última quarta-feira, às 11h, de acordo com o site do TSE.

O candidato Di-Gianne arrecadou R$ 59.750,00 e contratou despesas de R$31.785,29. As maiores despesas foram de publicidade de materiais impressos (R$ 15.499,00) e gastos com pessoal (R$10.354,00). O candidato Divininho arrecadou R$ 25.120,00 e contratou despesas de R$66.159,00. As maiores despesas foram com atividades de militância e mobilização de rua (R$ 31.740,00) e publicidade de materiais impressos (R$ 27.919,00).

Continua depois da publicidade .

Já o candidato Paulinho Despachante arrecadou R$ 88.305,50 e contratou despesas de R$ 49.643,62. As maiores despesas contratadas foram com publicidade por materiais impressos (R$ 18.183,45) e publicidade por adesivos (R$ 15.550,00).
Confira abaixo o detalhamento das contas de campanha dos candidatos:

grafico

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp