COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

A unidade de Lagoa da Prata da Biosev realizou no dia 6 de janeiro o encerramento oficial da safra 2016 e com recorde de produção. Durante a missa que marcou o encerramento, a superintendente da unidade, Tânia Márcia Campos Fernandes, comemorou o recorde de moagem com 2 milhões e 555 mil toneladas e uma produção de açúcar de 174.919 toneladas, com grande parte destinada à exportação. De acordo com ela, o constante desenvolvimento de novas tecnologias, sustentado por profissionais qualificados, garantiram o resultado sempre alinhado com um produto final sustentável dentro da cadeia produtiva.

Continua depois da publicidade.

Durante a safra de 2016, a Biosev gerou diretamente 1850 postos de trabalho somente em Lagoa da Prata – 100 deles foram ocupados por mulheres (31 na indústria, 48 na agrícola e 21 no administrativo). A empresa também investiu em modernização, novas práticas agrícolas, na formação de equipes e a na capacitação dos colaboradores para impulsionar os resultados da safra 2016.

Nos últimos anos a Biosev realizou mudanças gradativas como a vinda da Engenheira Química e atual Superintendente Tânia Fernandes, que liderou uma mudança cultural dentro da empresa, sendo a primeira mulher a ocupar este posto dentre todas as unidades da Biosev. Além do resultado operacional, a comunidade de Lagoa de Prata também recebeu em março a Igreja Santa Clara revitalizada, local que, inclusive, foi palco do evento de encerramento da safra. A construção da década de 1960 ficou em reforma por três meses. Durante o trabalho de restauro, uma preocupação da Biosev foi manter as características originais da construção, que tem capacidade de receber 250 pessoas.

Tânia Fernandes, Superintendente
Agroindustrial da
Unidade Lagoa da Prata

Sempre trabalhando próxima da comunidade, a empresa também implantou uma política de diálogo aberto com a população, recebendo a visita de estudantes e outros públicos, por meio do programa de visitas V.E.M (Vivenciar, Entender e Multiplicar) e estabelecendo presença nos principais veículos de comunicação locais.

A Biosev também manteve a sua política de reconhecer e valorizar o seu recurso mais importante, que é o capital humano, ou seja, as pessoas que trabalham na empresa. Conforme função exercida, os colaboradores recebem um pacote de benefícios que inclui assistência médica, vacinas, subsídio para despesas com farmácia, transporte fretado, vale-transporte, vale-refeição, cesta básica, previdência privada, participação nos lucros e subsídio para educação.

Sustentabilidade

REAPROVEITAMENTO DE ÁGUA

Em relação ao consumo de água, um insumo estratégico e cada vez mais escasso, a Biosev investe sistematicamente em tecnologias de recirculação

no processo industrial, tornando seu processo um circuito fechado, que contribui para a redução de perdas e possibilitando a redução do consumo de água. Também é utilizada a vinhaça para fertiirrigação do canavial, que é o aproveitamento de um resíduo do processo.

PLANTIO DE MUDAS

A companhia realizou plantio de mudas em Áreas de Preservação Permanente (APPs). A Biosev firmou parceria com a Associação Ambientalista do Alto São Francisco (ASF) e Associação Ambientalista dos Pescadores do Alto São Francisco (AAPA), no qual consiste na doação de mudas e reflorestamento nas áreas de APPs dos rios da região. Recentemente, foi realizado um plantio de 7 mil mudas no bairro Capoeirão e na Fazendas Bonifácio, ambos em Japaraíba, que contou  com a parceria da Polícia de Meio Ambiente de Lagoa da Prata, Prefeitura de Japaraíba, além do prefeito de Japaraíba, Roberto de Emílio Lopes, e do padre Leonardo da Silva Campos.

Plantio de mudas

DOAÇÃO DE MATERIAL RECICLÁVEL

A Biosev é parceira da Associação dos Catadores de Lagoa da Prata (Ascalp). A entidade recebe, semanalmente, a doação de material reciclável

e reaproveitável. “A doação da Biosev nos ajuda muito. É muito importante para nós que as empresas nos destinem esses materiais”, disse Elvira Amorim, presidente da Ascalp.

Parceria com a ASCALP

CONSERVAÇÃO DO SOLO E DA ÁGUA

A Biosev realiza periodicamente a análise do solo e da água das áreas cultivadas. O objetivo é melhorar a qualidade da terra e evitar qualquer risco de contaminação de solo. A análise da água é feita pelo Laboratório Merieux Nutrisciences, com sede em Chicago, nos Estados Unidos, e presente na China, Brasil, Turquia, África do Sul e Índia. Já a análise do solo fica sob a responsabilidade do Laboratório Dinardo Miranda, considerado um dos melhores na área agrícolas do país. Todos os laboratórios são credenciados pelos órgãos ambientais brasileiros.

MONITORAMENTO DAS EMISSÕES ATMOSFÉRICAS

Um laboratório externo realiza três monitoramentos anuais das emissões atmosféricas. Um aparelho é inserido em uma abertura da chaminé e capta os gases. De acordo com a área de meio ambiente da Biosev, a emissão de gases na unidade de Lagoa da Prata tem se mantido abaixo dos limites determinados pela legislação federal. A empresa também realiza o controle de emissão de ruídos. O monitoramento é feito duas vezes ao ano pelo Laboratório Terra, localizado em Goiânia, com mais de 30 anos de experiência no setor agrícola.

PROGRAMA RECUPERA ANIMAIS SILVESTRES

Veterinário Bruno e um tucano que já foi devolvido
em seu habitat natural

A preservação da biodiversidade é outro aspecto importante da responsabilidade ambiental da Biosev. A empresa desenvolve um Programa de Recuperação de Animais Silvestres em parceria com o Centro Veterinário VetLife e Polícia Militar de Meio Ambiente. Os animais feridos são recolhidos e recebem tratamento médico. Posteriormente, são soltos em seu habitat natural.

Fidelização com os parceiros e fornecedores

Há alguns anos a Biosev criou o Programa Mais Cana, com o objetivo de fortalecer e estreitar o relacionamento entre os fornecedores, parceiros e a usina, para incentivar o aumento da produtividade e a redução de custos. Atualmente, a unidade de Lagoa da Prata possui três fornecedores de cana e em torno de 170 parceiros distribuídos nos municípios de Lagoa da Prata, Luz, Moema, Japaraíba, Bom Despacho, Santo Antônio do Monte, Arcos, Iguatama, Estrela do Indaiá e Bambuí. Dentre os programas de fidelização com os parceiros, a empresa também realiza anualmente encontro com os fornecedores e investe para que as fazendas tenham mais qualidade, respeitando todas as leis ambientais vigentes.

Encontro Parceiros e Fornecedores 2016

FÁBRICA DE RAÇÃO

Em 2013, a empresa inaugurou a sua fábrica de ração animal. Preparada a partir de subprodutos do processo de extração de açúcar e álcool da cana-de-açúcar – principalmente bagaço de ca na, melaço e levedura –, a ração produzida permite à Biosev fortalecer seu relacionamento com fornecedores que também atuem na pecuária, além de ser uma opção mais econômica e eficiente para os pecuaristas. A Fábrica de Ração possui 60 clientes, entre eles, os fornecedores e parceiros da unidade, entre outros.

Fábrica de ração

 Inovações na Agrícola

A colheita na safra 2016 da unidade de Lagoa da Prata da Biosev foi 100% mecanizada. A empresa investe há 10 anos na mecanização do processo, que oferece maior bem-estar à população, tecnificação da mão de obra necessária para a operação de máquinas e equipamentos, trazendo benefícios ao solo e preservando o meio ambiente. Outro ganho importante para a empresa e a comunidade foi a extinção das queimadas. Desde o ano passado, a Biosev, em parceria com a Polícia Ambiental, desenvolve ações para coibir incêndios criminosos. Foi criado um disque denúncia para auxílio à população, cujo número é 0800-940-9199.

Fernando Bezerra,
Gerente Agrícola da Biosev

Segundo o gerente agrícola Fernando Bezerra, a preservação do meio ambiente é um compromisso prioritário e inegociável para a Biosev. Todas as questões como reciclagem, conservação do solo e da água, doação de mudas, monitoramento qualitativo e quantitativo dos recursos hídricos e emissões atmosféricas, controle de emissão de resíduos e educação ambiental são tratados com muita seriedade.


Em 2016, a empresa também inovou na gestão de toda a sua frota com o COA (Central de Operações Agrícolas), que é uma rede de monitoramento das operações on-line. Ou seja, de dentro de uma sala acompanha-se como está a operação e consegue- se tomar as ações de forma mais rápida e eficaz. Atualmente, a empresa também possui uma estação de produção de mudas M.P.B (Mudas pré brotadas), que tem maior sanidade e maior vigor. Dessa forma, garante-se uma lavoura com maior qualidade e maior produtividade. Tem-se também a colheita com 100% de cana crua, onde não são realizadas mais a queima. O emprego do piloto automático também é um avanço que vale e muito a pena citar, pois ele auxilia a operação a entregar um resultado de maior qualidade e eficiência

 

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp