COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

Entre os dias 15 e 17 de setembro aconteceu o 13º Congresso da Rede Mineira das APAEs, com o tema “A Integridade das Políticas Públicas na Habilitação e Reabilitação da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla”, no Minas Centro, em Belo Horizonte, com a participação de 283 APAEs e mais de 2.000 pessoas. Na ocasião aconteceram palestras, mesas redondas e muitos cursos para profissionais que atuam na rede.

Concomitante com o congresso aconteceu o III Fórum Mineiro de Autogestão, Autodefesa e Família com a participação de 500 famílias e auto-defensores, onde foi discutido a L.B.I- Lei Brasileira de Inclusão para que os mesmos conheçam, reivindiquem seus direitos, favorecendo o seu empoderamento como cidadãos conscientes, participantes e atuantes na sociedade.

Continua depois da publicidade.

A APAE de Lagoa da Prata participou com dois profissionais e quatro mães representando as famílias. O Movimento Mineiro das APAES comemora 60 anos de existência. Na abertura do congresso foram homenageadas 60 pessoas que prestaram grandes serviços à Federação das APAEs do Estado de Minas Gerais em diversos setores e segmentos com garra, desprendimento e compromisso com a causa da Pessoa com Deficiência. O Presidente da Federação Deputado Federal Eduardo Barbosa, enalteceu os homenageados.  “São estas pessoas que construíram o movimento em época das vacas gordas e das magras, mas não abandonaram o barco, ficaram firmes no seu proposito e nada mais justa a homenagem”.

A Presidente da APAE de Lagoa da Prata, Isamim Couto Gonçalves Coelho, foi uma das homenageadas com uma medalha e um diploma. No sábado, a presidente representando os homenageados presentes, fez um agradecimento e também homenageou o presidente da Federação Deputado Eduardo Barbosa pelo seu brilhante trabalho à frente do Movimento Mineiro das APAES.

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp