COMPARTILHAR
Continua depois da publicidade.

A Polícia Federal em Pernambuco, por intermédio da Delegacia de Repressão a Crimes contra o Patrimônio-DELEPAT, numa ação conjunta e com apoio operacional da Polícia Militar, através do 2º BPM, que fica situado em Nazaré da Mata-PE, prenderam na manhã deste domingo (10) alguns suspeitos de assalto a banco. Entre eles está Reginaldo Ferreira, de Lagoa da Prata.

Ferreira é casado, tem 40 anos, é vendedor, natural de Lagoa da Prata/MG e residente em Cajueiro Seco-Jaboatão dos Guararapes-PE. Ele já possui antecedentes criminais e foi preso outras vezes por arrombamento de terminais eletrônicos e encontrava-se em liberdade condicional).

Continua depois da publicidade.

As prisões aconteceram em virtude de um trabalho exaustivo de investigação pela Polícia Federal em cima de uma quadrilha que era suspeita de ter arrombado a agência da Caixa Econômica Federal que fica situada no Ginásio de Esportes Jota Raposo em Igarassú/PE, ocorrido no dia 30.10.2015, por volta das 20h quando os bandidos usando maçaricos perfuraram um dos terminais e fizeram os guardas municipais reféns amarrando-os dentro de uma das salas bem como do arrombamento de uma agência do banco Santander situada no bairro de Afogados/PE. As investigações evoluíram ao ponto dos policiais federais identificar não só alguns os veículos utilizados pela quadrilha (Honda Civic, prata, placas KVF 8453 e GM Montana, cinza, placas NNL 3800- o qual era utilizado para reconhecimento dos locais a serem arrombados e transporte das ferramentas para perfurar os caixas) como também a identificação da maioria dos assaltantes e descobriu-se que eles estariam para realizar mais um arrombamento, desta vez na agência do Banco Itaú de Carpina/PE na madrugada do dia 10.01.2015.

De posse dessas informações, policiais federais de dirigiram até Carpina/PE e solicitaram o apoio operacional do 2º Batalhão de Polícia Militar que fica localizado em Nazaré da Mata/PE onde foram localizados os automóveis suspeitos próximos ao referido banco, quando os federais e militares ficaram em frente a agência bancária aguardando a saída do grupo que ao efetuarem movimentos dentro do imóvel bancário, o alarme foi acionado e quando os bandidos estavam saindo da agência e se dirigindo para empreender fuga nos veículos que estavam estacionados do lado de fora, foram de pronto presos pelos policiais federais e militares.

Ao ser feita uma varredura no local foi identificado que os bandidos alugaram um imóvel que tem a parede conjugada com o banco, fizeram um buraco na parede e tiveram acesso ao interior da agência levando vasto material que foi apreendido tais como: maçarico de corte, furadeiras, brocas, antenas de bloqueio de alarme e sinal GPS para localização de veículos roubados, discos de perfuração, luvas, martelos, barra de ferro, alicates, chaves de fenda, placas de veículos (MOC 9339-Carpina/PE e CVV 0439-São Paulo/SP), possivelmente clonadas, 06(seis) aparelhos celulares, R$ 686,00 (seiscentos e oitenta e seis reais), além dos 02 (dois) veículos (Honda Civic, prata, placas KVF 8453-Jaboatão/PE e GM Montana, cinza, placas NNL 3800-São Paulo/SP, pertencentes aos suspeitos que não eram roubados).

Terminado os trabalhos investigativos e tendo todo o material sido apreendido, veículos, matérias, os cinco suspeitos receberam voz de prisão em flagrante, foram informados dos seus direitos e garantias constitucionais e em seguida conduzidos para a Superintendência Regional da Polícia Federal/PE que fica situada no bairro do Recife Antigo-Recife/PE, onde acabaram sendo autuados pela prática dos crimes contidos nos artigos 155, § 4º , I, c/c 14, II, e 288, ambos do Código Penal – (furto qualificado com destruição ou rompimento de obstáculo à subtração da coisa na modalidade tentado e associação criminosa) e caso sejam condenados poderão pegar penas que variam de 2 a 10 anos de reclusão. Após a autuação, os presos realizaram Exame de Corpo de Delito no IML – Instituto de Medicina Legal e logo após foram encaminhados para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna-COTEL, onde ficarão à disposição da Justiça.

Por: Nova Replay

Deixe o seu comentário e compartilhe no Whatsapp